terça-feira - 11/12/2018 - 11:58h
CEAPM

Câmara aprova verba de R$ 4,5 mil/mês para cada vereador


A Câmara Municipal de Mossoró aprovou nesta manhã de terça-feira (11) a implantação da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar Municipal (CEAPM), nova versão da Verba Indenizatória/Verba de Gabinete.

Placar mostra resultado final da votação com vitória folgada da aprovação (Foto: BCS)

Os vereadores Emílio Ferreira (PSD), Flávio Tácito (PPL), Petras Vinícius (DEM), Francisco Carlos (PP), Manoel Bezerra (PRTB), Raério Araújo (PRB), Tony Cabelos (PSD) e Ricardo de Dodoca (PROS) foram os únicos votos contrários. A presidente Izabel Montenegro (MDB) já tinha se postado contrária à matéria. Porém só vota em caso de empate em plenário, o que não aconteceu.

Votaram favoravelmente os seguintes vereadores: João Gentil (sem partido), Aline Couto (sem partido), Genilson Alves (PMN), Ozaniel Mesquita (PR), Alex do Frango (PMB), Alex Moacir (MDB), Maria das Malhas (PSD), Rondinelli Carlos (PMN), Zé Peixeiro (PTC), Didi de Arnoud (PRB),  e Sandra Rosado (PSDB).

A vereadora e deputada estadual eleita Isolda Dantas (PT) é favorável ao projeto de lei 339/2018 que trata da CEAPM, mas não compareceu à sessão.

Cada vereador terá direito a R$ 4,5 mil a mais de gasto por mês. No projeto original apresentado à semana passada, o valor seria de R$ 9 mil (veja AQUI).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política

Comentários

  1. Nestor Gomes Duarte Junior diz:

    Pelo que li, o projeto não aumentará despesas no poder legislativo, apenas descentralizará a gestão dos recursos de manutenção da presidência para os gabinetes. Acho justíssimo.

    • Inácio Augusto de Almeida diz:

      Como estamos em Mossoró não me surpreenderei se aparecer alguém dizendo que as despesas vão diminuir e mais dinheiro sobrará para ser estornado aos cofres da prefeitura.
      Em Mossoró ninguém se espante se ouvir numa rádio corrupto condenado em primeira e segunda instância dizendo que é honesto e transparente.
      Em Mossoró nem mesmo dando de cara com um papagaio comendo carniça e um urubu falando eu me assustarei.
      E assim segue o baile.
      ////
      NADA MAIS TRISTE E DIGNO DE PENA DO QUE A DECADÊNCIA DE UM CORRUPTO.

    • Francisco César. diz:

      Mais que justo. Não tem que ficar sobre o controle da presidenta da casa, e sim dos Vereadores.

      • Inácio Augusto de Almeida diz:

        Este dinheiro está sobrando. Tanto está sobrando que poderá ser agasto em restaurantes etc.
        O certo seria fazer como a maioria das Câmara Municipais de todo o país faz.
        DEVOLVER O DINHEIRO AOS COFRES DA PREFEITURA PARA SER UTILIZADO NA COMPRA DE UNIFORME ESCOLAR OU DE MEDICAMENTOS.
        Como o mossoroense aceita tudo caladinho, como os deputados eleitos pelo PSL não se pronunciam sobre coisa alguma, os vereadores pintam e bordam.
        Amanhã estarão nas emissoras de rádio tentando justificar o injustificável.
        E assim segue o baile.
        ///
        NADA MAIS TRISTE E DIGNO DE PENA DO QUE A DECADÊNCIA DE UM CORRUPTO.

  2. Bruno fonseca diz:

    Jesus, esse povo só pode ser doente. Como que é justo um vereador gastar R$ 4.500 por mês em material para escritório e outras coisas? Não é 450 não. É 4500. Multiplicado, para piorar, por 21. O povo do Brasil só pode ter síndrome de Estocolmo. Eramos para estar cortando gastos. Cortando sem piedade. Eu me revolto em saber que abrimos mão de uma vida melhor, pagando impostos abusivos para manter esse tipo de coisa.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.