• Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18 - Topo
quarta-feira - 15/08/2018 - 16:20h
Pelos céus

Candidato Robinson passa a usar avião do seu vice Tião


Bernardo Amorim (candidato a estadual), Fábio Faria, ex-prefeito José Alfredo, prefeita Iraneide Rebouças, Robinson e Tião em Areia Branca (Foto: cedida)

O governador Robinson Faria (PSD) desembarcou em Mossoró à tarde desta quarta-feira (15).

Como está em período de campanha e é candidato à reeleição, o governante usa aeronave do seu vice, empresário Tião Couto (PSDB). Até bem poucos dias, era avião de outro amigo empresário, com atuação no setor mineral e outros negócios.

Compromisso político em Areia Branca (42km).

Ele participa ao lado de correligionários locais, o deputado federal Fábio Faria (PSD) e Tião Couto (PSDB), da procissão de Nossa Senhora dos Navegantes, padroeira dos marítimos.

Por volta de 20 horas, ele deverá retornar a Natal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 13/08/2018 - 12:50h
COLUNA DO HERZOG

A compreensível tensão das nominatas e coligações


Por Carlos Santos

Para muitas pessoas que acompanham o noticiário político e esse emaranhado de informações relativas à formação de chapas à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal, é incompreensível todo esse prélio. Não se entende por que tanta complexidade.

A ideia que vem à cabeça é que tudo não passa de negociata, troca-troca de vantagens financeiras etc. Não é bem assim.

Existem componentes político-partidários, pessoais e legais sendo observados. Não é apenas uma questão de afinidade política ou coesão de projetos, ou o toma-lá-dá-cá.

Escolhas precipitadas na formação de nominatas partidárias e coligações podem determinar a derrota de um candidato.

Este ano, para aumentar ainda mais o tempero dessa caldeirada, a legislação ainda recepcionou a proposta relativa às “sobras” de votos, dos cálculos feitos para eleição de deputados federais e estaduais. É uma forma de “colaborar’ com os pequenos partidos e coligações.

Nas sobras, não é necessário que o partido atinja o quociente eleitoral, para eleger um deputado federal ou estadual. Partido/coligação com maiores médias, independentemente de terem atingido o quociente eleitoral, participam dessa’filtragem.’

Esse cálculo é feito, depois de se formar a lista de eleitos pelo quociente eleitoral. Portanto há possibilidade que tenhamos gente vitoriosa com esse favorecimento da legislação.

Por isso, não estranhe toda essa tensão. Se você estivesse nas discussões e de posse do amplo conhecimento desse labirinto jurídico, não estaria menos inquieto, perturbado e à beira de um ataque de nervos.

* Quociente Eleitoral – soma dos votos válidos dividida pelo número de cadeiras no parlamento.

PRIMEIRA PÁGINA

A real força de Sandra Rosado em favor de Beto Rosado – É preciso que entendamos por que é tão importante para o grupo da prefeita Rosalba Ciarlini (PP), a retirada da candidatura à Câmara Federal da vereadora e ex-deputada federal Sandra Rosado (PSDB). Ao desistir da postulação na nominata federal do governismo, encabeçada pelo PSD do governador Robinson Faria, ela subtrai potenciais votos que serviriam para ampliar margem de eleitos nessa coligação. Paralelamente, enseja que Beto Rosado (PP), a quem passa a apoiar, tenha maiores chances de se capitalizar à reeleição na coligação do candidato ao governo Carlos Eduardo Alves (PDT). Não é no apoio direto, transferindo eventuais colégios eleitorais para Beto ou discursando em seu favor, que Sandra mais contribui à sua reeleição. Com essa movimentação, Beto pode novamente sonhar com a reeleição, num elenco de três nomes que sua coligação tende a eleger.

A costura e o nó necessários à campanha ao Senado em 2018 – Pesquisa após pesquisa é visível que o “segundo voto” ao Senado pode ser o diferencial numa disputa tão acirrada. Nesse aspecto, Zenaide Maia (PHS) e Geraldo Melo precisam de atenção redobrada, até porque tiveram queda de rendimento com a entrada em cena do Capitão Styvenson Valentim (REDE). Casar voto com quem possa içá-lo (a) é importante. Porém colar em quem está em queda livre, também pode determinar o infortúnio eleitoral. Em 1998, por exemplo, Fernando Bezerra (PTB) era “O senador de Garibaldi”, slogan que foi adesivado no inconsciente popular em sua campanha vitoriosa. O governador Garibaldi Filho (PMDB) concorria à reeleição e ajudou a puxá-lo à reeleição: “É Garibaldi costurando e Fernando dando o nó”, dizia um jingle.

Fernando em 98 colou e foi puxado (Foto: Web)

São Gonçalo tem governismo fracionado em candidaturas – Em São Gonçalo do Amarante, ninguém tem dúvidas de que a primeira-dama Terezinha Maia (PR) marcha para ser um dos nomes campeões de voto à Assembleia Legislativa, numa campanha sob a batuta do prefeito Paulo Emílio (PR). Mas ela não está só na teia governista em se tratando desse segmento de disputa. O presidente da Câmara Municipal, Raimundo Mendes (PMB), foi obrigado a desistir de tentar a Câmara Federal, passando a concorrer a estadual. O vice-prefeito Eraldo Paiva (PT) é candidato também nessa faixa eleitoral. Ainda entra na contabilidade Mada Calado (PT), filha do ex-prefeito Jaime Calado e da deputada federal e candidata ao Senado Zenaide Maia (PHS). Ufa!

Mulher é candidata a federal apenas para cumprir exigência legal – A ex-primeira dama do Assu Vanessa Lopes (PSD) é candidata à Câmara Federal no chapão governista, apenas para atendimento à exigência legal quanto à presença feminina. Na prática mesmo, quem é candidato em sua casa é o ex-prefeito Ivan Júnior (PSD), que concorre a  uma vaga à Assembleia Legislativa, com chances reais de eleição, se não perder fôlego na reta final numa nominata bastante pesada.

“Avança RN” sofre efeitos de pressão intensa – A Coligação Avança RN, que a princípio era formada por sete legendas – o “G-7″: PMB, PTC, PPS, PRP, PTB, PMN e Avante-, foi alvejada em cheio por operação de guerra para encaixar o PSB dos deputados federal e estadual Rafael Motta e Ricardo Motta. O PMN, irritado, migrou para a coligação de Carlos Eduardo Alves (PDT). O PMB foi obrigado a deslocar da chapa federal para estadual o seu presidente Raimundo Mendes, vereador em São Gonçalo do Amarante. O PPS descarta nomes também de sua nominata (veja AQUI) a federal, para tentar viabilizar a candidata preferencial Laura Helena à Assembleia Legislativa. Mais baixas podem acontecer, além de demandas judiciais questionando esse encolhe-estica.

Passagem de Fátima Bezerra quase não é percebida – Apesar de ter feito importante movimentação política no final de semana em Mossoró ao lado de sua chapa ao Senado e outros nomes coligados, a candidata ao governo estadual Fátima Bezerra (PT) quase não foi percebida. À exceção de suas redes sociais e de partidários, a divulgação e repercussão do evento denominado de Seminário Regional (veja AQUI) não chegaram sequer à caixa de e-mail da imprensa. E olhe que Mossoró é o segundo maior colégio eleitoral do RN.

 

Robinson e Ricardo: passado puxado para frente (Foto: AL)

Robinson Faria “rebobina” os Mottas para um ocaso iminente

O esforço sobre-humano empreendido pelo governador Robinson Faria (PSD) para ter os deputados Rafael Motta (federal) e Ricardo Motta (estadual) em seu entorno e coligação, parece um grande gesto altruísta de tentativa de salvação de ambos parlamentares do PSB. É, parece. Mas lógica política fala mais alto. Quer tê-los para atrair mais votos à sua candidatura à reeleição e nominatas a estadual e federal. Essa costura também ocorre num momento de algumas perdas de apoios importantes de ambos parlamentares, levando-os mais desnutridos às suas mãos. Ao ‘rebobinar’ essa relação política, Robinson não deve esquecer de desapontamentos que teve com ambos. Os dois podem estar a caminho do ocaso. O futuro próximo dirá.

Tião Couto ocupa espaços no governo estadual – A indicação de Denise Maria Aragão Melo para Direção Geral do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), em Mossoró, oficializada no final de semana (veja AQUI), é da cota de espaços que o ex-candidato a prefeito e agora candidato a vice-governador Tião Couto (PSDB) empalma no governismo. Ela foi-lhe útil na reta final da campanha municipal em 2016, com trabalho direcionado à pessoal da Saúde Municipal, além de ser irmã do principal executivo do seu grupo empresarial, Everton Aragão.

Antagonismo entre Carlos e Robinson ignora votos e apoios no segundo turno – O extremismo que se acentua gradualmente na luta entre as campanhas de Robinson Faria (PSD) e Carlos Eduardo Alves (PDT) não deve ignorar um detalhes crucial, sobre o segundo turno: lá, onde provavelmente estará Fátima Bezerra (PT), quem sobrar pode favorecer o outro na eleição final. Pelo visto, a candidata petista segue no lucro, pois não é incomodada por ninguém nem mexe com qualquer um deles.

Suplente atua em costura de apoios ao Senado – O empresário e presidente licenciado da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do RN (FECOMÉRCIO/RN), Marcelo Queiroz (MDB), não ostenta papel meramente figurativo na campanha eleitoral 2018. Primeiro suplente do senador Garibaldi Filho (MDB), ele costura apoios da capital ao interior no segmento que conhece bem, com aquele seu jeitão manso e ótima aceitação suprapartidária.

EM PAUTA

Condenação – O engenheiro Marcos Limeira e sua empresa Tecnicenter Engenharia, Comércio e Serviços Ltda. tiveram sentença favorável (danos morais) em primeiro grau contra o Estado do RN, representado pelo general Ernesto Fraxe, dirigente do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens (DER/RN). No dia 26 de fevereiro de 2016, em audiência pública da Assembleia Legislativa em Mossoró, sobre reativação de voos comerciais do Aeroporto Dix-sept Rosado, ele espinafrou Marcos e a Tecnicenter, por suposto atraso/suspensão de obras, sem perceber que quem dera causa aos problemas tinha sido a própria ineficiência do Estado.

Mirante estava sucateado e passou por processo de restauração, sendo reativado para uso turístico/lazer

Mirante – A cidade de Luís Gomes volta a ter em funcionamento o seu mirante. O equipamento de lazer e turismo há tempos estava abandonado e esquecido. Uma boa opção para a região Oeste, também atraindo público da região de Uiraúna-PB, município limítrofe/divisa. Logo, logo apareço por aí.

Maitê – Comandante-em-chefe da FM 96.7 do Natal, Ênio Sinedino está com outra ingente tarefa: ser babão de Maitê, sua neta. A recente natividade o deixa todo prosa.

Gastronomia – Apodi movimenta-se para realizar seu I Festival de Gastronomia. O evento será realizado na praça Dom José Freire, Centro, reunindo outras atrações relativas à cultura. Depois traremos mais detalhes sobre a iniciativa que acontecerá este ano, tendo à frente o Núcleo de Gastronomia da cidade (NUGAP).

Aílton Medeiros – O irrequieto jornalista Aílton Medeiros passará a compor nosso elenco de articulistas e colaboradores. Aqui e ali, aos domingos, ele vai trovejar e rugir no Blog Carlos Santos.

Aílton Medeiros: pode rugir (Foto: Web)

Baú do Forró – Quem gosta do forró das antigas vai se esbaldar dia 15 de setembro na área externa para shows do Partage Shopping de Mossoró. Por lá vão estar Lagosta Bronzeada, Limão com Mel, Mastruz com Leite e Cavalo de Pau no evento definido como “Baú do Forró”.

Magão no Carnatal - A alegria e a sonoridade do Bloco do Magão, célebre no Carnaval de Caicó, vai chegar ao Carnatal este ano – entre os dias 13 e 16 de dezembro. Os músicos vão puxar o “Burro Elétrico”, formado por segmentos da mídia e convidados. Garantia de muita descontração.

Feijoada Maçônica – A Loja Maçônica Jerônimo Rosado promoverá outra edição da “Feijoada Maçônica” em Mossoró. Será dia 26 de agosto a partir do meio-dia, em sua sede no Planalto 13 de Maio. A Banda H será a atração musical.

SÓ PRA CONTRARIAR

Quantos mais vão desistir de candidaturas no RN? Faça suas apostas.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Gostei do Órbita 365, jeito de pub/restaurante á Avenida João da Escóssia no Nova Betânia em Mossoró.

Obrigado à leitura do Nosso BlogMarcos Antônio Aquino (Caicó), Santana Maria (Mossoró) e Flávio Azevedo (Natal).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (06/08) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
  • Repet
sábado - 11/08/2018 - 17:30h
Mossoró

Tião Couto assume coordenação de campanha de Robinson


O candidato a vice-governador Tião Couto (PR) assumiu na prática a coordenação da campanha ao governo do governador Robinson Faria (PSD), no âmbito de Mossoró.

Reuniões e contatos telefônicos entre o dia de ontem e este sábado (11) dão encaminhamento a providências, como formação de equipe de trabalho.

Tião (centro) posa com vários ex-auxiliares de Francisco José Júnior que atuaram em sua campanha

Detentores de cargos comissionados no estado, em Mossoró, além de colaboradores de sua campanha municipal em 2016, foram reunidos para discussão sobre planejamento, organização e ação eleitorais.

Alguns dos nomes são ex-auxiliares do então prefeito Francisco José Júnior (sem partido), que após a desistência à reeleição do governante, desembarcaram na campanha de Tião Couto àquele ano.

Em pose fotográfica nas redes sociais, Tião aparece com o candidato a deputado estadual Jorge do Rosário (PR), além de  Mário Filho (ex-secretário executivo de Engenharia e Projetos), Marcos Fernandes (ex-Administração e Recursos Humanos), Mairton França (ex-secretário de Recursos Hídricos de Mossoró e atualmente em pasta congênere no estado), Carlos Clay (ex-secretário de Serviços Urbanos) e Francidaule Amorim, o “Tidau”(ex-titular da Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos) – entre outros apoiadores.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 09/08/2018 - 09:56h
Deputado Estadual

Fafá Rosado vai apoiar Jorge do Rosário


Convencida da sua inviabilidade eleitoral, a ex-prefeita de Mossoró Fafá Rosado (PSB) jogou mesmo a toalha.

Seu registro para disputa de uma vaga à Assembleia Legislativa é letra morta.

Ela vai apoiar a candidatura do ex-candidato a vice-prefeito de Mossoró Jorge do Rosário (PR). Em 2016, já subira no seu palanque e do então candidato a prefeito Tião Couto (PR).

Nota do Blog – Alguém precisa avisar à Ex-prefeita que seu ciclo chegou ao fim.

Tem que agradecer muito aos primos Sandra Rosado (PSDB), que a inventou em 2000, e a Carlos Augusto Rosado (PP) que viabilizou duas eleições suas a prefeito.

Depois disso, onde se meteu, perdeu.

P.S – 16h22 – O Blog Saulo Vale entrevistou Fafá Rosado no final a manhã de hoje. Ela confirmou notícias dadas em primeira mão por esta página.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
quarta-feira - 08/08/2018 - 23:56h
Política

Governo Robinson Faria é “nota 7″, julga Tião Couto


Questionado sobre que nota daria ao Governo Robinson Faria (PSD), o neogovernista Tião Couto (PR) respondeu:

- Eu dou uma nota sete para ele.

Anunciado e homologado domingo (5) como candidato a vice-governador de Robinson, ele foi entrevistado no programa “Enfoque Político” da TV Terra do Sal de Mossoró.

Para Tião, houve boicote à gestão do governador, além de uma avassaladora crise econômica e de segurança, comprometendo o resultado final do trabalho.

O candidato foi entrevistado pelo jornalista Saulo Vale, âncora do programa.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 06/08/2018 - 23:40h
COLUNA DO HERZOG

O Sobrenatural de Almeida anda por aí


Por Carlos Santos

Recorro a um lugar-comum sempre usado no início das campanhas eleitorais, para tratarmos sobre a disputa deste ano no RN: “A sorte está lançada” (Alea jacta est).

A frase em latim é atribuída ao general romano Júlio César, ao decidir cruzar o rio Rubicão (em 49 A.C) no retorno de uma longa operação militar na região da Gália (hoje, a França, Bélgica e parte de outros países).

O todo-poderoso César violou a lei romana que determinava, que nenhuma legião (unidade militar) podia entrar em Roma armada e sem autorização, vinda de campanha.

Nelson Rodrigues, criador do célebre "Sobrenatural de Almeida" (Foto: Web)

Tanto na antiguidade como agora, o jogo não é uma questão de sorte ou azar. “O Sobrenatural de Almeida”, personagem do jornalista e dramaturgo Nelson Rodrigues, que ele citava para se referir a algo inesperado e negativo, é mera figura de linguagem.

Àquele tempo, como agora, uma campanha militar e ação política não viviam do acaso. Tudo tem relação direta com planejamento, organização, preparo, astúcia e outros fatores que se somam.

O pleito deste ano oficialmente encolheu. Serão apenas 45 dias, mas a própria legislação e a cultura do eufemismo (ou do jeitinho legalizado) produziram o fenômeno de se esticar esse processo eleitoral para trás. É a pré-campanha.

A campanha de fato começou há meses, com exposição de pré-candidatos em incontáveis endereços nas redes sociais, mídias convencionais e eventos públicos e privados.

Muito do que foi feito nessa pré-temporada (comum aos clubes de futebol), lógico que terá eco na campanha e eleição. Escolha de bons nomes, equipe de trabalho, organização partidária, estratégias, nominatas, alianças e outros componentes pesarão no resultado final.

E o tal do Sobrenatural de Almeida? Bem, ele existe. Anda por aí. Vez por outra dá as caras numa campanha política. Mas não confie na sorte ou justifique o insucesso com ele.

PRIMEIRA PÁGINA

Fábio assumiu articulações políticas do governismo e surpreendeu com o "improvável" (Foto: Canindé Soares)

O articulador Fábio Faria em ação – Quase invisível e imperceptível, sem alardes, o deputado federal Fábio Faria (PSD) é o responsável direto por grandes cartadas de bastidores no campo da articulação política atual. Praticamente selou a própria reeleição e formatou a mais densa e numerosa teia interpartidária da campanha que se avizinha, em torno da candidatura à reeleição do governador-pai Robinson Faria (PSD). Conseguiu um feito “improvável”, como atrair para vice o empresário e ex-candidato a prefeito de Mossoró Tião Couto (PSDB).

Quem ganha e quem perde – Num programa de rádio e outro de televisão nesta segunda-feira (6), fui indagado sobre quem ganha e quem perde com a decisão do ex-candidato a prefeito de Mossoró Tião Couto (PR) em ser vice na chapa de Robinson Faria (PSD). “Bom para Robinson, ruim para Tião, generoso para a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) e ótimo para a candidata petista ao governo, Fátima Bezerra (PT)”.

Em desnutrição, Zenaide precisa repensar estratégia para campanha – Na pesquisa Instituto Consult/Blog do BG/FM 98.7 (veja AQUI), a candidata ao Senado e atual deputada federal Zenaide Maia (PHS) apareceu com nítida desnutrição. Até bem pouco tempo, ela tinha maior consistência e passou a ser vista como virtual eleita, a ponto de obrigar o senador José Agripino (DEM) a mudar de rota, candidatando-se à Câmara Federal. Mas a entrada em cena do Capitão Styvenson Valentim (REDE) a atingiu em cheio. Ele é quem pode ser a “novidade” do pleito, o “fato novo”. No dia 9 de julho (há quase um mês), afirmamos na Coluna do Herzog: Styvenson ameaça primeiramente Zenaide Maia. Teve quem considerasse a análise um disparate. Vamos a outra avaliação: se não ajustar eficientemente sua campanha, a “Doutora Zenaide” (sem o Maia) vai morrer na praia.

Carlos repete fórmula de Gutemberg, que agora é candidato a deputado estadual

Campanha de Carlos Eduardo ‘clona’ slogan de Gutemberg Dias – “O RN Tem Jeito”, slogan da campanha do candidato ao governo pelo pedetismo, Carlos Eduardo Alves, é o “clone” do que foi utilizado em 2016 em Mossoró pelo então candidato a prefeito Gutemberg Dias (PCdoB): “Mossoró Tem Jeito”. Em 2018, ele é candidato a deputado estadual.

Jorge do Rosário não acompanha Tião Couto em decisão – Que fique consignado: o candidato a deputado estadual Jorge do Rosário (PR), não acompanhou Tião Couto (PSDB) na Convenção Estadual do PSD no domingo (5) em Natal, que formalizou a chapa encabeçada pelo governador Robinson Faria (PSD) à reeleição. A decisão de Tião Couto de ser vice nessa chapa, também o surpreendeu. E como? Ô!

Perplexidade muda do Sertão Central para o Oeste com o vice – Na sexta-feira (3) à noite, o anúncio do nome do ex-prefeito de Lajes Benes Leocádio (PTC) – veja AQUI – como vice de Robinson Faria (PSD) causou perplexidade entre eleitores do Sertão Central. No domingo (5), com a confirmação de Tião Couto (PSDB) como o vice, boquiabertos ficaram os mossoroenses no Oeste.

Dois fantasmas rondam a candidatura de Fátima Bezerra – Pelo menos dois espectros rondam a candidatura governista da senadora Fátima Bezerra (PT). Primeiro: o clima de já-ganhou (o que não se justifica). Na pesquisa recente, o índice cumulativo de Indecisos e Nenhum – veja AQUI – chegou a 83,77% na Espontânea. Segundo: o papel que alguns eventuais “aloprados” podem ocupar em sua campanha, tomando decisões e promovendo ações inconsequentes.

Contas de “eleitos” para Câmara e Assembleia são imprecisas – Pelas contas feitas em todas as coligações à disputa à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa no RN, parece até que estamos na Paraíba. Em vez de oito vagas na Câmara e 24 na AL, teríamos 12 e 36, como ocorre no vizinho estado nordestino. Hoje, a grosso modo, podemos estimar que a coligação de Carlos Eduardo Alves (PDT) poderá fazer três federais. O governismo de 3 a quatro. A Frente Popular de Fátima Bezerra (PT) tende a eleger um. Poderemos ter surpresas entre coligações de pequenos partidos com a eleição de um federal. No plano da Assembleia Legislativa, o quadro de avaliação é bastante confuso, tamanho o número de coligações. Mas há tendência que o governismo faça maior parte dos eleitos/reeleitos. Depois iremos amiudando impressões e avaliações ao longo da campanha. Hoje, é muito cedo para afirmações ou ilações mais consistentes.

Salto duplo carpado evangélico-eleitoral - O deputado federal Antônio Jácome (Podemos) é candidato ao Senado na chapa de Carlos Eduardo Alves (PDT). Já seu filho e atual deputado estadual Jacó Jácome (PSD), é candidato à reeleição em coligação do governador e concorrente à reeleição Robinson Faria (PSD). Entendeu? Ãn? Tem muito evangélico que já compreendeu, sim.

O RN não tem ânimo para escolher um governador – Nenhuma candidatura estadual desperta empolgação nessa fase preliminar da campanha oficial ao Governo do RN. Ninguém aparece até aqui com capacidade de galvanizar o eleitor. Caminhamos para uma escolha por exclusão.

EM PAUTA

Preto e Branco – O 5º Baile Preto e Branco, organizado pelas lojas maçônicas de Pau dos Ferros, acontecerá a partir das 22 horas do próximo dia 11. Está definido para a AABB Clube. Thásya Araújo, Glauco Meireles e Tremendões de Mossoró serão as atrações musicais.

Feira do Livro – Está definida para o dia 1º de setembro próximo, no Museu do Sertão em Mossoró, a “I Feira de Livros de Autores Mossoroenses”. Acontecerá entre 8 e 12 horas, em meio à XIII Jornada Cultural do Museu do Sertão. Mais informações por este númerode WhatsApp:  (84)9972-2139.

Groove e D'Sosa: música (Foto: divulgação)

Tributo a Gil - A organização do Fest Bossa & Jazz inicia a semana com mais uma novidade para a programação do Festival a ser realizado em Mossoró, de 13 a 15 de setembro na Estação das Artes Elizeu Ventania. A primeira atração confirmada e divulgada na semana passada foi o retorno da cantora Roberta Sá ao palco do Fest com a SESI Big Band. E, a novidade desta semana, é a realização de um belo Tributo a Gilberto Gil. Será comandado pelo renomado multi-instrumentista potiguar Sérgio Groove, além do guitarrista Lu D’Sosa.

Na TV – A jornalista Nathália Rebouças vai estrear horário matinal na TV Terra do Sal (Canal 173 no sistema Cabo Brisanet e 14 aberto) ainda este mês. Paralelamente, compõe equipe de assessoria do candidato a vice-governador Kadu Ciarlini (PP).

Academia – O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Luiz Alberto Gurgel de Faria, será empossado na próxima sexta-feira, na Academia Norte-rio-grandense de Letras (ANL). O evento está marcado para às 20h, no Salão Nobre da Academia. O ministro ocupará a Cadeira 7, que tem como Patrono Ferreira Nobre, sendo fundador Antonio Soares e sucessores Mariano Coelho e Nestor dos Santos Lima.

Gessinger – Humberto Gessinger (letrista, multi-instrumentista, escritor e vocalista da banda Engenheiros do Hawaii) vai apresentar seu novo show no dia 15 de setembro em Natal. Será às 21 horas no Teatro Riachuelo do Shopping Midway Mall.

SÓ PRA CONTRARIAR

Em que eleição o “não voto” (branco/nulo/abstenção) foi capaz de mudar a política e a gestão pública para melhor?

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

A Rádio Difusora de Mossoró realiza reestruturação física e técnica do seu estúdio principal. Obra que há muito era necessária.

Obrigado à leitura do Nosso BlogPinto Júnior (Parnamirim), Aluísio Barros (Mossoró) e Tatiana Mendes (Natal).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (30/07) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
domingo - 05/08/2018 - 16:48h
Política

Sandra Rosado tem mais duas razões para ficar com os primos


A vereadora e candidata à Câmara Federal, Sandra Rosado (PSDB), já pode colocar um fim à sua novelesca ‘indecisão’ pública sobre a própria postulação e apoio a governo. Ficou sem graça o suspense.

Carlos e Sandra: isso, isso, isso (Foto: arquivo)

O desembarque do empresário e ex-candidato a prefeito de Mossoró Tião Couto (PR) no palanque do governador Robinson Faria (PSD) – veja AQUI, onde o partido dela está, é a senha para dizer bye!

Sandra e Tião não se bicam desde a campanha municipal de 2016, numa arenga que saiu da esfera política para o campo pessoal.

Outra razão: a campanha Robinson-Tião vai alvejar a prefeita e ex-governadora Rosalba Ciarlini (PP) – veja AQUI, a quem Sandra e seu grupo dizem apoiar em Mossoró.

Primo Carlos Augusto Rosado e prima Rosalba Ciarlini, líderes do rosalbismo, aguardam notícias.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
domingo - 05/08/2018 - 15:30h
Discurso de Campanha

Ezequiel diz que Robinson errou ao não falar sobre Rosalba


Microfone à mão, ladeado por Robinson, Ezequiel lembrou herança da antecessora (Foto: Web)

Presidente da Assembleia Legislativa do RN e do PSDB no estado, o deputado estadual Ezequiel Ferreira deu o tom do que deverá ser a campanha da chapa governista Robinson Faria (PSD)-Tião Couto (PR). Atacou a ex-governadora e hoje prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), ‘presente’ na chapa adversária de Carlos Eduardo Alves (PDT), através do filho e candidato a vice-governador Kadu Ciarlini (PP).

“Se há um erro que você (Robinson) cometeu ao assumir o governo, foi você não dizer o buraco que tinham deixado para você administrar”, bradou Ezequiel ao discursar na Convenção Estadual do PSD neste domingo (5) em Natal.

Atraso desde Rosalba

Ezequiel contou que “já em dezembro de 2014, o Estado não tinha condições de pagar o salário em dia e o 13º”. A então governadora (Rosalba) “mandou para a assembleia um projeto de lei pedindo autorização para puder usar o Fundo Previdenciário e nós aprovamos.”

Em sua avaliação, “nunca houve uma crise tão grande no Brasil, ética e moral, que abalou nossa economia com 14 milhões de desempregados no país”. Os reflexos nos estados e municípios continuam sendo sentidos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
domingo - 05/08/2018 - 12:38h
História

Mossoró volta a ter dois nomes a vice em disputa por governo

Há 16 anos, Carlos Augusto e Laíre Rosado fizeram parte de chapas derrotadas por Wilma de Faria

A campanha estadual deste ano no Rio Grande do Norte traz uma novidade que não ocorria há vários pleitos.

Outra vez, duas chapas ao Governo do Estado trazem nomes a vice oriundos de Mossoró. Ocorrera em 2002, ou seja, há 16 anos.

Em 2018, Carlos Eduardo Alves (PDT) tem como vice o filho da prefeita Rosalba Ciarlini (PP), Kadu Ciarlini (PP).

Wilma, cabeça de chapa, venceu dois adversários que tinham conterrâneos como vice (Foto: arquivo)

O governador Robinson Faria (PSD) importou o empresário e ex-candidato a prefeito Tião Couto (PR).

Em 2002 foi assim

- Fernando Freire (PPB), governador, contou com deputado federal Laíre Rosado (PMDB) como vice. Obtiveram 404.865 votos (30,89%).

- O senador Fernando Bezerra (PTB) teve a companhia do ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado (PFL). Somaram 261.225 votos (19,93%).

A chapa vencedora tinha uma mossoroense na cabeça: Wilma de Faria (PSB). O seu vice foi o deputado estadual Antônio Jácome (PSB), paraibano de Sousa.

Venceram com 492.756 votos (37,59%) no primeiro turno, indo para o segundo turno contra Fernando Freire-Carlos Augusto.

Segundo Turno

A chapa Wilma de Faria-Antônio Jácome empalmou 820.541 (61,05%) e a perdedora com Fernando Freire e Laíre Rosado não passou de 523.614 (38,95%).

“Eu vou vencer as eleições. Meus adversários são muito fracos”, previu Wilma de Faria em fase preliminar da campanha daquele ano, quando chegava para evento na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Mossoró, em interlocução com o empresário Genivan Batista.

Acertou em cheio.

Em 2006 ela obteve reeleição, tendo o deputado federal Iberê Ferreira (PSB) como vice.

Mas aí já é outra história.

Depois a gente conta.

Leia também: A “maldição” de ter vice de Mossoró (15 de junho de 2010). Nessa postagem, há mais de oito anos, traçamos um histórico de vice de Mossoró, que vem desde os anos 50, pós-regime do Estado Novo no país.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
domingo - 05/08/2018 - 11:02h
Eleições 2018

Robinson fecha chapa pela madrugada e vice é Tião Couto

Após impedimento partidário de Benes Leocádio do PTC, acerto governista é com nome mossoroense

“Nasceu”, finalmente, o vice à chapa ao Governo do Estado, do atual governador Robinson Faria (PSD). A decisão foi firmada entre a madrugada e início da manhã de hoje, em extensas e intensas reuniões.

O nome é do empresário e ex-candidato a prefeito de Mossoró em 2016 Tião Couto (PR). Após ter afirmado que ficaria equidistante das disputas, refluiu inesperadamente.

Tião e Robinson participam agora de convenção estadual em Natal, em clima de festa (Foto: cedida)

Agora pela manhã, chegou ao auditório do Hotel Holiday Inn em Natal, para Convenção Estadual do PSD, acompanhado do próprio Robinson Faria.

O candidato a deputado federal pelo PTC, Benes Leocádio (PTC), tinha sido anunciado na sexta-feira (3) à noite como vice (veja AQUI). Mas no sábado (4), a Executiva Nacional do PTC (veja AQUI) vetou a indicação. O governador agiu rápido para tentar um substituto.

Diálogo à madrugada

Às 2h20 minutos deste domingo (5), o Blog Carlos Santos conversou com um dos interlocutores de conversas de bastidores:

Robinson-Tião: fechados (Foto: divulgação)

- Finalizamos uma conversa com Robinson agora há pouco. Fizemos uma análise bem realista do desgaste da gestão dele. Ainda não fechamos, pois fizemos algumas considerações para Tião compor a chapa.

Coube ao filho do governador e deputado federal Fábio Faria (PSD) a tarefa de encurtar distâncias e aparar divergências até as 7 horas. Assim foi feito. Assim foi fechado o acerto.

“Eu entendi depois de muitas investidas, que política é ocupação de espaço e eu não poderia assistir o desfile do acordão”, justificou Tião Couto. Referiu-se à chapa encabeçada pelo ex-prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT), que tem como vice o filho da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), Kadu Ciarlini (PP).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
quinta-feira - 02/08/2018 - 10:59h
Eleições 2018

Fátima Bezerra e PT ‘sondam’ reforço de Tião Couto


No evento de lançamento do Curso de Direito da Faculdade Diocesana de Mossoró (FDM) nessa segunda-feira (30), a pré-candidata ao governo estadual pelo PT, senadora Fátima Bezerra, sondou o empresário Tião Couto (PR).

Sobre o diálogo, o ex-candidato a prefeito de Mossoró não expõe maiores detalhes ao Blog Carlos Santos.

“Já tínhamos conversado antes em ambientes sociais, como dessa vez. Foi assim novamente na Faculdade Diocesana”, esquiva-se ele.

“O PT precisa se abrir mais, ouvir as pessoas além das organizações sociais que lhe dão apoio, o que é legítimo. Precisa sentir o que outros setores da sociedade esperam de um governo do partido no RN e como podem contribuir”, comenta.

Nota do Blog – A cúpula estadual do PT enxerga em Tião um quadro capaz de dar importante suplementação à chapa Fátima-Antenor Roberto (PCdoB) em Mossoró.

A propósito, por pouco o partido em que Tião está inscrito, o PR, não se coligou à aliança PT-PCdoB-PHS.

Leia também: Tião e Jorge não seguem decisão de apoio a Robinson Faria.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 02/08/2018 - 10:24h
PR

Tião e Jorge não seguem decisão de apoio a Robinson Faria


Ex-candidato a prefeito de Mossoró, o empresário Tião Couto (PR) e seu grupo político não vão seguir a decisão partidária de apoio ao projeto de reeleição do governador Robinson Faria (PSD), tomada no dia passado em Natal (veja AQUI).

Tião e Jorge não concordam com posição do PR, mas respeitam (Foto: cedida)

“A gente já sabia o que ia acontecer na reunião de ontem (terça-feira, 1º). Entendemos a posição do presidente do PR, ex-deputado federal João Maia, que mostrou projeções e estudos indicando que a coligação partidária seria a mais viável para nominatas à Câmara Federal e Assembleia Legislativa do nosso partido”, comenta Tião Couto.

Segundo Tião, “essa foi a situação eleitoralmente mais aceitável”.

Vice, não

Frisa, ainda, que “todos os pré-candidatos estão liberados para tomada de posições próprias e diferentes, como a nossa em Mossoró e do nosso pré-candidato a deputado estadual Jorge do Rosário (PR)”.

A cúpula do PR conversou com Tião sobre hipótese de ser vice de Robinson. Foi cogitado, sim. “Na verdade, a insistência é do grupo de Robinson; o partido não nos pressiona”, esclarece.

A tese para tentar convencê-lo à assunção à chapa majoritária, é a de que assim criaria uma polarização com o sistema governista representado pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP), fortalecendo-o e à oposição.

Desconfiado, Tião avalia sob outra ótica: a candidatura poderia ser uma bigorna a lhe empurrar para baixo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
terça-feira - 24/07/2018 - 22:39h
"Relação aberta"

PR acerta com Robinson Faria mas fica livre para qualquer um


Do Rede News 360

Em reunião ocorrida na capital potiguar, na noite desta terça-feira (24), o Partido da República (PR) definiu seu rumo para o pleito de outubro: se coligará com o PSD, do governador Robinson Faria, tanto nas proporcionais – para deputado estadual e federal – quanto na majoritária.

No entanto, os pré-candidatos ficam livres para votarem em quem bem entenderem, seja para o governo do estado, seja para o Senado.

Na prática, até o momento o que o governador Robinson Faria tem do PR é a garantia da coligação, que representa mais tempo de propaganda eleitoral na TV.

Nota do Blog Carlos Santos – Nos últimos dias, o PR foi “tentado” a indicar um vice para Robinson. Entre os nomes sondados, o empresário Marcelo Alecrim e o ex-candidato a prefeito a prefeito de Mossoró Tião Couto.

Quem também foi cogitado foi o pré-candidato a deputado estadual e ex-candidato a vice-prefeito de Mossoró Jorge do Rosário.

A decisão do PR é salomônica, digamos, pois não havia consenso interno.

Na prática, a legenda entrega seu capital de tempo (rádio e TV) e recebe nominatas já formadas que vão se somar às suas, possibilitando vitória eleitoral de alguns de seus membros. É uma “relação aberta”, que se diga.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 09/07/2018 - 12:20h
COLUNA DO HERZOG

Os bons magistrados podem e devem salvar o Brasil


Por Carlos Santos

Domingo sem futebol, mas com intensas emoções. Nem deu para sentir falta do Brasil na Copa do Mundo da Rússia. O Brasil real é bem mais intenso e emocionante.

A celeuma em torno de um alvará de soltura do ex-presidente Lula da Silva, considerado teratológico (absurdo) por setores e vozes influentes do mundo do Direito, chega a nos assustar. É mais uma prova da insegurança jurídica em que vivemos e o lamaçal em que se meteu o poder que deveria frear os excessos dos outros, arbitrar conflitos, efetivar a justiça. Ser moderador e moderado.

O Judiciário do Brasil está tão podre quanto os demais poderes, com o agravante de que a sociedade não tem meios de depurá-lo pelo voto. Às vezes é obrigada a ficar caladinha, sem estrilar, para não pagar caro a ‘insolência.’

“Política e Justiça não podem se misturar em hipótese alguma. Não há Justiça de direita ou de esquerda. O justo só tem um lado: o do direito”, chegou a asseverar uma Nota Oficial da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) nesse domingo (8) – veja AQUI.

A magistratura é um dos mais belos ofícios que temos. Vejo-o como um apostolado. Mas há uma súcia que a envergonha. O mérito, o notório saber jurídico, a ética, não podem ser substituídos pelo compadrio, pelo escambo, pelo aparelhamento de judicantes e do Judiciário.

Judiciário do Brasil é uma vergonha, com valorosas exceções. A propósito, é desfaçatez querer atribuir a forças estranhas (exógenas) a esse poder, suposta campanha para desmoralizá-lo. Boa parcela de seus membros é responsável por isso. Os bons podem e devem salvá-lo, para salvarem o Brasil.

PRIMEIRA PÁGINA

Mau exemplo vem de cima e contamina todo o Judiciário – “O que me parece lamentável é que isso costuma ocorrer na Justiça. Um sujeito espera um juiz plantonista ideal para impetrar um habeas corpus, um mandado de segurança, e ter a certeza da obtenção de uma liminar. Isso é velho e conhecido na Justiça”. O comentário é do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Carlos Velloso, 82. Em entrevista esclarecedora (veja AQUI), Velloso diz que os maus exemplos do STF, em que ministros não respeitam decisões do próprio plenário, estimulam os excessos, os abusos, em instâncias inferiores.

Ex-ministro do STF, Carlos Velloso revela preocupação com os rumos do Judiciário brasileiro (Foto: Breno Fortes)

O “não voto” de 2014 caminha para ser maior este ano – Veja esses números do Primeiro Turno das eleições no Rio Grande do Norte, disputa ao governo estadual: 16,83% de Abstenção, 7,05% de Branco e 16,29% foram de voto Nulo. Total: 40,17%. Segundo Turno: 17,66% de Abstenção, 3,07% de votos em Branco, 12,78% de voto Nulo. Total: 33,51%. Do primeiro para o segundo turno, acabou existindo queda no “não voto”, num patamar expressivo. Mesmo assim, o índice de abstenção cresceu 0,83% de um pleito para o outro àquele ano. O cenário pode ser ainda pior num eleitorado de 2.373.092 votantes. Este ano, com o desalento ainda maior em relação a políticos, partidos e à política, faça suas apostas.

Tião não definiu qualquer apoio à Câmara Federal - Textos oficiais do Partido da República (PR) divulgaram no final de semana, que o empresário e ex-candidato a vice-prefeito de Mossoró Tião Couto (PR) apoiaria a pré-candidatura do ex-deputado federal João Maia (PR) à Câmara Federal. “Menas” verdade. Tião anunciou desistência própria (veja AQUI) de postulação a deputado federal, mas sem declarar se apoiará João ou outro nome.

Styvenson ameaça primeiramente Zenaide Maia – Em sua instantânea ascensão como nome ao Senado, o capitão Styvenson Valentim (sem partido), ameaça primeiramente a deputada federal Zenaide Maia (PHS). Ela é o nome mais próximo à subida de Styvenson e não o primeiro colocado até aqui nas pesquisas, senador Garibaldi Filho (MDB). Se formos falar de riscos, com duas vagas em jogo, quem está sob maior ameaça é ela e não “Gari”. As próximas pesquisas dirão com maior realismo o que pode estar por vir na disputa ao Senado. Se Styvenson se confirmar como outsider (nome estranho ao sistema) da campanha, eles dois que se virem à cata da outra vaga.

O marketing político-eleitoral contido no alvará de soltura de Lula – É-me profundamente estúpido debater e discutir, sob o viés do Direito, a celeuma em torno da decisão monocrática do desembargador federal Rogério Favreto, que ontem assinou três despachos consecutivos para ensejar a liberdade do ex-presidente Lula da Silva (PT). Sou analfabeto jurídico. Não sei fazer uma petição, imagine tratar dessa polêmica tecnicamente. Mas sob o ângulo político e do marketing eleitoral, atrevo-me a opinar e falar. Sou do ramo. Uma tese palatável é de que o PT apostava realmente na soltura do seu principal ícone, mesmo que por algumas horas ou dias, para criar um fato político grandiloquente, capaz de produzir círculos concêntricos que amplificassem a imagem de Lula. Organizou previamente sua militância para um domingão legal em todo o país. Assim, daria outra injeção de ânimo nela, potencializando a influência populista do ex-presidente em favor de um candidato próprio à presidência da República e outras postulações nos estados. A estratégia foi bastante engenhosa, contando com o destemor de um antigo militante no Tribunal Regional Federal da 4ª Região para despachar a decisão judicial. Contudo outro judicante com perfil parcial, Sérgio Moro, estava no meio do caminho. Melou.

PCdoB endossa escolha de Antenor Roberto a vice e união com PT e PHS – Em sua sede no bairro Tirol em Natal, nesse domingo (8), o PCdoB realizou reunião ordinária do Comitê Estadual e referendou escolha do seu presidente, Antenor Roberto, como vice da senadora Fátima Bezerra (PT), pré-candidata ao governo estadual. Mas houve críticas pela forma de divulgação do nome pelo PT, no fim de semana (veja AQUI). Sigla foca agora sua luta, também, nas chapas proporcionais.

Robinson Faria não segue a lição que passou a “Francisco” - No dia 9 de outubro de 2016, uma semana após as eleições municipais daquele ano, o governador Robinson Faria (PSD) disse ao programa “Diógenes Dantas Entrevista”, da TV Tropical (veja AQUI), o porquê de não ter apoiado o projeto de reeleição à Prefeitura Municipal de Mossoró, do então prefeito e aliado Francisco José Júnior (PSD, hoje sem partido). ”Eu disse a ele, aqui, que o nome dele não tinha nenhuma viabilidade para reeleição”, destacou o governador, relembrando reunião no primeiro semestre de 2016, com Francisco. “Falei que ele pensasse, tivesse humildade, que as pesquisas mostravam que ele não tinha nenhuma chance de reeleição. E depois ele desapareceu, lançou-se candidato, sem conversar comigo (…), botou o bloco nas ruas – relatou Robinson. Dois anos depois, são as pesquisas em patamares parecidos com os atingidos por “Francisco”, que dizem para Robinson não tentar a reeleição. A mais recente sondagem apontou que 74,35% dos eleitores desaprovam seu governo. Mas ele será candidato. Francisco foi e desistiu no meio da campanha. Com Robinson há um diferencial, que não permite sua desistência: precisa ter um palanque para reeleição do filho e deputado federal Fábio Faria (PSD), além de firmar uma bancada mínima na Assembleia Legislativa.

Agaciel defende que PR não dê apoio a qualquer chapa majoritária – Nome sempre ouvido pelo irmão e ex-deputado federal João Maia (PR), o deputado distrital (Brasília) Agaciel Maia defende que a legenda no RN não dê apoio a qualquer chapa majoritária no primeiro turno. Internamente, o PR admite que possa marchar em faixa própria, apenas formalizando coligações proporcionais.

EM PAUTA

Carnapau – Foi um sucesso retumbante no último final de semana, a versão 2018 do Carnapau. O carnaval fora de época de Pau dos Ferros atraiu grande público da região e estados vizinhos (Paraíba e Ceará).

Luís Gomes – População de Luís Gomes (a 195 quilômetros de Mossoró e 442 de Natal) ainda não está sendo abastecida com água potável do sistema da Caern, como esperava. Apesar do inverno razoável que restabeleceu boa parte da capacidade do seu reservatório, o Açude Dona Lulu Pinto, os moradores (10.211 habitantes do município) seguem usando carros-pipa e outras alternativas. Governo precisa se pronunciar.

Voo livre - A rampa do voo livre (Parapente) que fica na Serra de Patu está consolidada como uma referência no país e no mundo para o esporte. Pilotos dos Estados Unidos, Portugal, Alemanha, Áustria, França e Suécia já decolaram de sua rampa, além de brasileiros de várias partes do país. Algo que precisa ser melhor potencializado pela indústria do turismo do RN. Recordes brasileiros e internacionais já foram batidos lá.

Sangue – Fim de semana sangrento em Mossoró. Município alcançou total de 138 homicídios este ano, caminhando para novo recorde. Pelo menos oito pessoas foram mortas entre sexta-feira e domingo, além de outras que saíram feridas à bala em tentativas de homicídio.

Paula Fernandes – A cantora e compositora Paula Fernandes estará no Teatro Riachuelo no dia 8 de setembro. Há tempos a artista não se apresenta na capital.

Gostoso – Vem aí a 5ª Mostra de Cinema de Gostoso, em São Miguel do Gostoso, de 23 a 28 de novembro deste ano. Serão seis sessões por dia, em telão na Praia do Maceió, nesse endereço litorâneo potiguar conhecido em todo o mundo. Alguns lançamentos nacionais serão apresentados.

SÓ PRA CONTRARIAR

Pesquisa para consumo interno já circula de mão em mão, por aí, apontando que teremos fortes emoções adiante na luta ao Senado. Anote, por favor.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Receita Federal liberou nesta segunda-feira (9) as consultas ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda 2018. Consulte AQUI.

Obrigado à leitura do Nosso BlogRose Oliveira (Natal), Gilson Cardoso (Mossoró) e Nilton Figueiredo (Pau dos Ferros).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (02/07) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
sábado - 07/07/2018 - 15:00h
PR

Tião Couto desiste de concorrer à Câmara Federal este ano


O pré-candidato a deputado federal pelo Partido da República (PR), Tião Couto, retirou sua postulação. O anúncio foi feito no final da manhã deste sábado (7), durante Encontro Regional da legenda, no Espaço América Futebol Clube em Natal.

A partir de agora, o seu foco principal é o apoio ao também empresário mossoroense Jorge do Rosário (PR), seu companheiro de chapa à Prefeitura de Mossoró em 2016, que é pré-candidato a deputado estadual.

Tião Couto foi candidato a prefeito em 2016 e apresentou suas razões à desistência previsível (Foto: cedida)

Tião explicou que duas razões motivaram a sua desistência. A primeira delas é que não se sente vocacionado a ir em busca de um mandato legislativo. Sua aptidão seria para o exercício de mandato executivo.

A segunda e mais forte é o próprio cenário que se formou em relação às pré-candidaturas majoritárias. “São os mesmos grupos, as mesmas famílias e pessoas que há muitos anos são os grandes responsáveis pela calamidade que o Rio Grande do Norte vive hoje e agora querem se apresentar como solução para os problemas que eles criaram”, disse Tião Couto.

O Encontro Reuniu do PR reuniu mais de 600 pessoas no América.

Nota do Blog – A decisão de Tião não surpreende. Há tempos ele já dava sinais de desaceleração da pré-candidatura, ao contrário de Jorge do Rosário. Estava escrito que desistiria.

Todo o projeto político do grupo que ele e Jorge do Rosário começaram a formar no final de 2015, em Mossoró, claramente precisa ser repensado. Míngua, apesar de enorme vácuo existente. Voltaremos ao tema.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sábado - 30/06/2018 - 04:24h
Eleições 2018

PR procura afinar posição para disputa eleitoral


O presidente do Partido da República (PR) no RN, ex-deputado federal João Maia, recebe neste sábado em Messias Targino (região Oeste) dois importantes partidários.

Os ex-candidatos a prefeito e vice de Mossoró em 2016 Tião Couto e Jorge do Rosário vão estar com ele na cidade, que é governada por Shirley Targino (PR), mulher de João.

A conversa é para alinhar posição deles e do partido em relação à campanha e pleito deste ano. Tião é pré-candidato à Câmara Federal e Jorge à Assembleia Legislativa.

Até o momento, o PR não definiu quem apoiará ao governo e nomes ao Senado.

Pode adotar equidistância e neutralidade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
terça-feira - 26/06/2018 - 14:14h
Eleições 2018

Tião quer coligação que seja viável a chapas proporcionais


“Eu e Jorge não temos nada contra coligação com o PT”. A declaração é do ex-candidato a prefeito de Mossoró e pré-candidato a deputado federal Tião Couto (PR).

Ele e o também empresário Jorge do Rosário (PT), que foi seu companheiro de chapa à prefeitura e é pré-candidato a deputado estadual, entendem que é preciso reciprocidade entre coligados.

- O PT só quer receber apoio, mas não aceita coligação na proporcional – assinala Tião.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 25/06/2018 - 12:50h
COLUNA DO HERZOG

Salvação do RN não aparece no vazio de sua pré-campanha


Por Carlos Santos

Nenhum pré-candidato ao governo do RN tem qualquer esboço de plano de governo à mão. As evasivas vão desde clichês retóricos à fuga física de entrevistas, em que possam ser cobrados. A prioridade é falar de pessoas, em vez de ideias.

Ninguém espere que esse cenário mude, seja alterado, com a elevação de debate (que não existe nessa pré-campanha). Daí, para pior.

A crise vivida pelo Rio Grande do Norte tem explicações diversas, que se intercalam, mas a principal é a incapacidade de nossa classe política em tratar a gestão pública como prioridade e com eficiência.

Nessa fase da disputa, a pré-campanha, o mais interessante é produzir críticas ou acusações – caso do governador Robinson Faria (PSD) e ex-prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT).

Já a senadora Fátima Bezerra (PT) evita se desgastar com qualquer pronunciamento ou posicionamento. Opta por mexer apenas com questões nacionais e do interesse partidário.

O vice-governador dissidente Fábio Dantas (PSB) segue cada dia mais atrofiado, mas já se arriscou a promessas mirabolantes, como acabar com déficit previdenciário de uma canetada e defender o fim das oligarquias (ele, integrante de uma delas).

Bate desânimo. Não é pessimismo, mas retrato de observações de fácil percepção. Estamos ferrados.

PRIMEIRA PÁGINA

O “não voto” se confirma mais uma vez – O segundo turno das eleições suplementares ao Governo do Estado do Tocantins ratificou o que parece ser mesmo uma tendência capaz de alcançar seu ápice nas eleições gerais de outubro próximo no país. O “não voto”, soma de votos nulo-branco com abstenções, atingiu 527.868 votos (51,84%). Mauro Carlesse (PHS), governador interino que foi eleito, e Vicentinho Alves (PR), seu adversário, receberam 490.461 votos (48,16%) do eleitorado tocantinense (veja AQUI). Estavam aptas a votar na eleição do Tocantins 1.018.329 pessoas. No primeiro turno, a revolta popular com políticos, partidos e a política já tinha sido expressiva. Leia o que esta página tem antecipado há tempos: Eleitor diz no Tocantins o que está “guardado” para outubro.

Aliança entre PT e PR não tem apoio de Tião e Jorge – O diálogo aberto entre PT e PR com vistas à campanha deste ano no estado não deve prosperar. Pré-candidatos à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa pelo PT, os ex-candidatos a prefeito e vice de Mossoró Tião Couto e Jorge do Rosário, respectivamente, não demonstram animação com o enlace. Freiam seu avanço.

Tião e Jorge: veto (Foto: Arquivo)

Estimativa de quociente eleitoral à Câmara Federal precisa ser revista - Refaça suas contas, comece ou recomece a fazê-las a partir de patamares realistas. Em 2014, últimas eleições, o quociente eleitoral à Câmara Federal foi de 197.608 votos. Os campeões de voto foram dois estreantes: Walter Alves (PMDB) – 12,09% (191.064) e Rafael Motta (PROS, hoje no PSB) – 11,15% (176.239). Fábio Faria (PSD) – 10,53% (166.427) – obteve Reeleição. Salve o surgimento de algum fenômeno ou deslocamento de algum campeão de votos (como os senadores José Agripino-DEM e Garibaldi Filho-MDB) para essa faixa de disputa, o quociente terá boa baixa.

Wilma de Faria atrai atenção em memorial - Vai até o próximo dia 30, de 10 às 22h, no Shopping Midway Mall em Natal a exposição Memorial Wilma de Faria. Começou no último sábado (23), após ter percorrido vários municípios do estado, com várias peças e documentos que mostram a trajetória política da ex-governadora do RN.

Agripino e Jácome podem alterar chapa majoritária – O jornal Tribuna do Norte deste domingo (24) noticiou que o senador e presidente estadual dos Democratas (DEM), José Agripino (DEM), não tentará a reeleição ao Senado Federal. Será mesmo candidato a deputado federal. A decisão será anunciada oficialmente nos próximos dias. Com a decisão de José Agripino, o deputado federal Antônio Jácome (Podemos) seria um dos candidatos ao Senado na coligação PDT, MDB e DEM. A chapa majoritária ficaria Carlos Eduardo (PDT) para o governo, Garibaldi Alves Filho (MDB) e Antônio Jácome (Podemos) para o Senado. E mais, o deputado Felipe Maia (DEM) ficaria fora das eleições de 2018, abrindo espaço para a médica Carla Dickson (PROS), vereadora em Natal e esposa do deputado estadual Albert Dickson (PROS), concorrer a uma vaga na Câmara Federal. Assim, Carla iria em busca de conquistar as bases de Antônio Jácome no segmento evangélico. (Do Blog da Chris).

Antônio Jácome quer surpreender como no passado – O atual deputado federal Antônio Jácome (Podemos) pode ser apresentado como nome ao Senado, na chapa a ser encabeçada pelo pré-candidato a governador Carlos Eduardo Alves (PDT). Em 2002, ele foi o vice de Wilma de Faria (PSB), uma chapa vista como fragil, mas TB, mas terminou eleito ao lado dela ao governo estadual. Nesse momento, o cenário é outro e com outros objetivos, como garantir reeleição do filho Jacó Jácome (PSD) à Assembleia Legislativa. Jácome tem a corrida à Câmara Federal comprometida pela concorrência de Carla Dickson (PROS) na faixa dos evangèlicos, além de outros fatores.

EM PAUTA

Carlos Cavalcante – Âncora do Cidade em Debate na Rádio Difusora de Mossoró, o radialista Carlos Cavalcante vai estrear programa com mesmo nome no próximo dia 2 (segunda-feira), às 18h, na TV Cidade Oeste (sistema cabo Brisanet), Canal 172. Sucesso.

Literatura - O XVI Seminário Literário do Colégio Mater Christi (Mossoró) será lançado no próximo dia 30, com cortejo literário saindo às 8h da Praça dos Esportes em direção ao Mater Christi. Já no período de 02 a 06 de julho de 2018, haverá apresentações elaboradas pelos alunos por turmas no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado.

Zenóbio: foco poético (Foto: Web)

O livro de Zenóbio – “Verbo Sertanejo” é o título do livro do jornalista e cinegrafista Zenóbio Oliveira, o “Zenóbio das Aguilhadas”, a ser lançado no mês de agosto próximo. O prefácio será do jornalista Sérgio Farias, com diagramação do poeta e jornalista Caio César Muniz. O livro contém sonetos, cordéis e outros estilos poéticos. As vendas estão sendo antecipadas. Quem desejar garantir o exemplar basta depositar a quantia de 30 reais nas seguintes contas: Caixa Econômica Federal, Agência – 0560, Operação – 013, Conta poupança – 00068949-9. Banco do Brasil, Agência – 3526-2, Conta Poupança – 36.732-X, Variação – 051. As duas em nome de Zenóbio Francisco de Sousa Oliveira.

Religiosidade sertaneja – O presidente do Grupo de Estudos do Cangaço do Ceará (GECC), pesquisador Ângelo Osmiro Barreto, convidou o professor Benedito Vasconcelos Mendes para fazer uma palestra sobre “Religiosidade Sertaneja”, no próximo dia 5 de julho (quinta-feira ), na reunião mensal do GECC, que se realizará no apartamento do professor-doutor e renomado cientista brasileiro, Melquíades Pinto Paiva, em Fortaleza.

Programa na TV – O jornalista Saulo Vale é nome cogitado para compor programa jornalístico na TV Terra do Sal (Canal 14 aberto e 173 na Brisanet), em Mossoró.

Frete e sal - O setor salineiro do Rio Grande do Norte e, em especial da região de Mossoró, está asfixiado com o impasse quanto ao frete rodoviário, desde a paralisação nacional dos caminhoneiros. O escoamento da produção está seriamento comprometido. Queda de mais de 50% no fluxo do produto para os centros de consumo, pela via rodoviária.

SÓ PRA CONTRARIAR

Não existe impossível na política, mas o improvável.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Acontece nessa terça-feira(26), a missa de um ano pela morte do professor e engenheiro José Henriques Bittencourt, na Igreja de São Camilo de Lellis, às 19h, bairro de Lago Nova em Natal. Ele foi um dos fundadores da Escola de Engenharia em Natal e membro-fundador da Academia Norte-Riograndense de Ciências do Rio Grande do Norte, da qual foi presidente.

Obrigado à leitura do Nosso BlogJosé Antônio Nunes (Pau dos Ferros), Raimundo Nonato Sobrinho, o “Cinquentinha” (Mossoró) e Vagner Araújo (Natal).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (18/06) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
  • Repet
terça-feira - 12/06/2018 - 05:00h
Política

Dois nomes de 2016 que podem afinar sintonia para 2020


Candidatos a prefeito de Mossoró em 2016, com expressivas votações, Tião Couto (PR) e Gutemberg Dias (PCdoB) encontraram-se no sábado (9).

Cada um participava de evento político de seu partido, no mesmo endereço – mas em espaços distintos, no Hotel VillaOeste em Mossoró.

Tião e Gutemberg somaram votações expressivas em 2016; João, líder do PR (Foto: BCS)

Numa brecha entre os respectivos compromissos, os dois conversaram amenidades e sobre política, sob o testemunho do ex-deputado federal João Maia (PR).

Janela aberta para diálogo que pode chegar às eleições municipais de 2020.

Faz sentido.

Se a oposição sair fracionada, praticamente dará de “bandeja” a vitória ao governismo.

Os números do último pleito mostram isso.

Rosalba Ciarlini (PP) venceu o pleito com maioria de 2.362 votos sobre o cumulativo dos concorrentes (Tião, Gutemberg, Josué Moreira do PSDB, e o que foi computado para o desistente prefeito Francisco José Júnior).

Leia também: Voto se revela um ativo de alto risco na política de Mossoró.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 08/06/2018 - 17:20h
Que fique claro

Tião Couto não dividirá palanque com Rosalba Ciarlini


Do Blog Saulo Vale

Tião (de amarelo): distância (Foto: cedida)

O ex-candidato a prefeito de Mossoró e empresário Tião Couto (PR) deu um ultimato ao seu partido: se a legenda se unir ao grupo da adversária e prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), ele retira sua pré-candidatura a deputado federal.

Segundo Tião, não há clima para subir no mesmo palanque de Rosalba.

“Eu tenho o livre arbítrio para não aceitar esse tipo de união. Eu só vou para uma candidatura se for para servir e ter liberdade em tomar decisões. Eu não preciso me alinhar a pessoas que não concordo com elas. Se isso vier a acontecer [o PR se alinhar a Rosalba], eu vou ficar calmo e esperar 2020, quando será uma disputa direta”, adiantou o empresário em entrevista ao Jornal da Tarde (Rádio Rural de Mossoró) desta quinta-feira (7).

Ele afirmou ainda que já fez esse comunicado ao presidente estadual do PR, ex-deputado federal João Maia.

O empresário defendeu ainda que a sigla apoie a candidatura do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
quarta-feira - 06/06/2018 - 23:30h
Mossoró

O perigo da “oposição social” que ronda Rosalba Ciarlini


* A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e seu grupo não têm o que temer, aboletados no governo. Pelo menos em relação à denominada “oposição” política.

Ela inexiste.

Quem faz oposição ao governo Rosalba?

Tião Couto (PSDB), segundo colocado nas eleições municipais do ano passado?

Gutemberg Dias (PCdoB), agradável surpresa e terceiro colocado na mesma disputa?

A bancada contrária na Câmara Municipal de Mossoró?

O ex-candidato a prefeito “Cinquentinha” (hoje, no PSDC)?

O antecessor Francisco José Júnior (PSD).

O governador Robinson Faria (PSD).

Nada, nada, nada disso.

Todos inexistem até aqui como tal. Uns, por incapacidade; outros, por estratégia.

O problema que ganha corpo de forma lenta, gradual e expressiva é a “oposição social”, muito mais letal do que a política.

É a voz das ruas.

Ela germina nas unidades básicas de Saúde (UBS’s) e Unidades de Pronto-Atendimento (UPA’s), com precário atendimento e falta de medicamentos; nas ruas e avenidas esburacadas e cobertas por lixo; na escola com escassez de merenda, na insegurança do centro à periferia e no desemprego que não é estancado.

E tudo fica grandiloquente nas queixas que se espalham nas redes sociais, através de vídeos, textos, fotos e áudios. Esse perturbador boca a boca virtual cresce em proporção geométrica.

A prefeita e sua entourage palaciana não podem ignorar esse fenômeno. Se o fizerem, por arrogância ou falta de sensibilidade política, podem contabilizar rápido e crescente prejuízo.

Quanto à oposição política, nada a temer. Por enquanto.

Essa inexiste. Ainda.

O governo e a “oposição social” quase um ano e dois meses depois

* Este texto acima foi originalmente publicado no dia 11 de Abril de 2017, às 19h02. São quase 14 meses de sua veiculação original. O que mudou de lá para cá? Praticamente nada. Na verdade, o quadro se agravou para a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e seu governo.

Ela tem pesquisa guardada a sete chaves, com números que mostram sua continuada corrosão. O governo é vítima do fantasma da “silveirização” (desgaste como do ex-prefeito Francisco José Júnior).

Qualquer dúvida, é só olhar nas redes sociais a crescente onda de críticas e denúncias contra serviços elementares da administração municipal. Não são manifestações articuladas, de guetos ou grupos organizados, mas vozes espontâneas que viralizam rapidamente.

É a “oposição social” a que nos referimos há mais de um ano e Rosalba e seus próceres preferiram desdenhar. Incensados por uma vitória eleitoral em 2016 e o poder, por que nos levariam a sério?

Mesmo com pesado investimento na imprensa convencional e páginas virtuais de Mossoró, de Natal e Caicó, vendendo uma imagem diferente, a gestão não consegue maquiar mais a realidade. E a oposição? Ah, a oposição política de Mossoró consegue ser ainda menor.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog / Política
quinta-feira - 24/05/2018 - 10:44h
Eleições 2018

Nome do empresário Tião Couto é cogitado para vice


Tião: por enquanto, federal (Foto: arquivo)

A pré-candidatura à Câmara Federal de Tião Couto (PR), ex-candidato a prefeito de Mossoró em 2016, não é algo irremovível.

Ninguém estranhe se ele for deslocado para uma posição em chapa majoritária, como nome a vice.

Cogitação já existe.

Até o próximo mês o seu partido definirá politica de alianças, nominatas proporcionais, apoio a uma candidatura ao governo e nomes ao Senado.

As conversas estão em andamento.

Depois trago mais informações.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.