• Curso de Oratória de Francisco Lavor em Mossoró 15 a 28-01-18 veiculação - TOPO
quarta-feira - 10/01/2018 - 20:28h
Governo do RN

Governador veta Região Metropolitana de Mossoró


O governador Robinson Faria (PSD) vetou o projeto de lei aprovado pela Assembleia Legislativa, que instituía a Região Metropolitana de Mossoró (RMM). A matéria foi apresentada pelo deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”.

Criação de Região Metropolitana fortalece perfil de cidade polo de Mossoró (Foto: autor não localizado)

Segundo arguiu o governador, para o veto, “apesar de reconhecer que a intenção do legislador estadual apresenta elevada importância (…), projeto aprovado pelo Parlamento Estadual afronta normas constitucionais, pois busca criar e definir atribuições para o Poder Executivo, matéria reservada à iniciativa do Chefe do Poder Executivo.”

Mossoró além de seus limites

O deputado Souza destacou em sua justificativa, do projeto aprovado no dia 12 de dezembro passado (veja AQUI), que a RMM seria ponto de partida para o tratamento de questões nos campos da Saúde, Educação, Transporte, Segurança, Infraestrutura, Economia etc. de forma conjunta na região da qual Mossoró é polo. “Mossoró pensada além de seus limites, numa área de mais de 420 mil habitantes”, assinalou.

“Espero que a proposição, considerada de elevada importância pelo governador, possa ser apresentada por ele mesmo e institucionalizada, pois será um fator legal e técnico de suma importância para o desenvolvimento da região ao longo dos próximos anos e décadas, como ocorre em outros estados com municípios com as mesmas características”, disse o deputado.

Com informações do Governo do Estado e Assessoria do Deputado Souza.

Categoria(s): Administração Pública
quinta-feira - 28/12/2017 - 14:00h
Insegurança

Deputado pede Força Nacional para Mossoró e região


O deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”, fez solicitação formal ao Governo do Estado no dia passado, através da secretária de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED), delegada Sheila Freitas.

Cobrou a tomada de medidas urgente para socorro à população de Mossoró e municípios sob sua influência.

Segundo o parlamentar argumentou, em face da “Operação Segurança com Segurança” de policiais militares e da “Operação Padrão” da Polícia Civil, os índices de violência chegam a níveis que colocam a população em polvorosa.

Ele cobrou envio de tropa da Força Nacional que tem atuado na Grande Natal, além de outras ações emergenciais, enquanto não é retomada a normalidade.

Com informações da Assessoria do Deputado Souza.

Categoria(s): Política / Segurança Pública/Polícia
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quinta-feira - 21/12/2017 - 17:30h
Paralisação

Novos leitos de UTI e enfermarias não têm pagamentos


Os dez novos leitos de UTI e cinco de enfermaria pactuados pelo Governo do Estado do Rio Grande do Norte, para funcionamento em Mossoró, estão sem o devido pagamento de seus serviços.

Audiência pública em Mossoró ocorreu em maio (Foto: AL)

No sábado (23 de setembro último), no Diário Oficial do Estado  (DOE) Extrato de Contrato 106/17, entre a Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP) e o Hospital Wilson Rosado (HWR), assegurou o benefício.

Esse instrumento administrativo nasceu da Audiência Pública realizada em Mossoró no dia 26 de maio deste ano, para tratar de leitos de UTI, pactuação, cirurgias eletivas e outros assuntos relacionados à saúde regional.

“Provamos que é possível termos resultados com a integração de esforços, a boa vontade, uma ação política efetiva, mas agora estamos todos preocupados com essa situação, que me foi comunicada”, comenta o deputado Manoel Cunha Neto (PHS), Souza, que propôs a audiência pública e a presidiu, com a presença de dirigentes hospitalares, secretários municipal e estadual da Saúde, Benjamin Bento e George Antunes, respectivamente, além de sindicalistas, Ministério Público e outras autoridades.

Leia também: Novos leitos de UTI e enfermarias têm efeito imediato, diz diretor do HRTM

P.S – 16h22 – 22-12-17 - Prezado jornalista Carlos Santos: Como leitor assíduo de sua coluna, gostaria de informá-lo que a notícia de que o hospital não está recebendo o pagamento dos leitos de uti não procede. O estado tem honrado o contrato. Agradeço a colaboração q vc tem dado a saúde da cidade, com notícias, críticas ,sugestões e me coloco à sua disposição para qualquer esclarecimento. Aproveito para desejar um feliz natal para vc e família. Abraço. Bernardo Rosado – Diretor do HWR.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Saúde
quarta-feira - 06/12/2017 - 13:26h
Marconi Barreto

Prefeito vai se filiar ao PHS na próxima segunda-feira


Barreto: agora no PHS (Foto: arquivo)

O Partido Humanista da Solidariedade (PHS) vai receber na próxima segunda-feira (11), às 17 horas, no plenário da Câmara Municipal de Ceará-Mirim, o ingresso do prefeito local em seus quadros, empresário Marconi Barreto.

“Já contávamos com o trabalho diferenciado dos vereadores Marcos Farias e João dos Ônibus, nesse município (o 6º maior do RN), e agora recebemos um prefeito da nova geração de administradores públicos, além de larga e vitoriosa trajetória na vida pessoal e empresarial”, salientar nota oficial emitida pelo partido, assinada pelo presidente Leandro Prudêncio.

Política e futebol

Barreto foi eleito pelo PSDB, presidido no Rio Grande do Norte pelo presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza.

Foi sua primeira disputa partidária eletiva. Ele também é criador e dirigente do Globo, time de futebol que ganhou projeção estadual e nacional nos últimos anos, com sua gestão inovadora.

No Rio Grande do Norte, o PHS tem um deputado estadual (Manoel Cunha Neto, o “Souza”), além de três prefeitos, quatro vice-prefeitos e 40 vereadores.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 05/12/2017 - 17:20h
Deputado Souza

Projeto de lei cria Região Metropolitana de Mossoró


Projeto de Lei do deputado estadual Manoel Cunha Neto, “Souza” (PHS), que cria a Região Metropolitana de Mossoró (RMM), foi aprovado hoje. A votação favorável da matéria ocorreu no âmbito da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa.

Souza: área para interesses integrados (Foto: AL)

Reunião ordinária da CCJ nesta terça-feira (5), entendeu como válidos e importantes as justificativas para que seja fosse aprovado o projeto. Assim, a RMM poderá ser integrada inicialmente por nove municípios.

Os municípios que passam a integrar esse espaço geopolítico são Mossoró, Baraúna, Tibau, Grossos, Areia Branca, Serra do Mel, Assu, Upanema e Governador Dix Sept Rosado.

Consórcios

De acordo com a justificativa apresentada pelo parlamentar, a proposta busca institucionalizar a parceria do Governo do Estado com as prefeituras dos municípios da área, dando maior amparo à formatação de consórcios intermunicipais em diversos segmentos, como saúde, transporte etc.

“A propositura objetiva à descentralização de gestão do Estado e à consequente agilização nas decisões pertinentes às funções públicas de interesse coletivo, buscando solucionar, eficazmente, os problemas comuns à população residente na região”, amparou o deputado Souza.

“Simultaneamente, visa uma maior racionalidade na aplicação dos recursos públicos”, defendeu Souza.

Com informações da Assembleia Legislativa

Categoria(s): Administração Pública / Política
sábado - 02/12/2017 - 04:48h
Saúde

Liga contra o Câncer acerta parceria com Porto do Mangue


Sael Melo, diretor da LMECC e Max Bruno assinaram compromisso importante para pacientes (Foto: diviulgação)

A Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer (LMECC) assinou com o prefeito de Porto do Mangue, Sael Melo, e o secretário de Saúde do município, Max Bruno, parceria entre a instituição e prefeitura. O objetivo é assistir à população que precisa de atendimentos no diagnóstico e tratamento de neoplasias.

Para o Prefeito de Porto do Mangue, Sael Melo, o convênio com a Liga Mossoroense vai beneficiar a população do município, que tem aproximadamente 5.300 habitantes, além de promover mais conforto, uma vez que a Liga se encontra em uma localização mais próxima da cidade. Até então, o transporte dos pacientes era feito para Natal, a mais de 225 quilômetros, ensejando maior custo à municipalidade e incômodo aos assistidos.

“A articulação entre a prefeitura e a Liga Mossoroense contou com o apoio do deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), “Souza”. No último dia 22 de setembro ele conseguiu mobilizar vários prefeitos e secretários de Saúde da região para conhecerem a estrutura e serviços da LMECC, abrindo esse diálogo.

“Além de otimizar os recursos e melhorar a assistência à população de toda nossa região, também fortalecemos a Liga e o Hospital da Solidariedade (Hospital do Câncer de Mossoró)”, afirmou o deputado.

Leia também: Prefeitos conhecem e devem apoiar Liga Contra o Câncer AQUI.

A LMECC é uma entidade filantrópica, credenciada para prestar serviços custeados pelo SUS, que é referência neste atendimento nas três regionais de saúde do Oeste do Estado, que compreende mais de 60 municípios, ou seja, uma população de quase 1 milhão de habitantes.

Com informações da LMECC.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
  • Curso de Oratória de Francisco Lavor em Mossoró 15 a 28-01-18 veiculação - RODAPÉ
sexta-feira - 01/12/2017 - 23:14h
RN-404

Audiência encaminha ações para desobstrução de estrada


A Assembleia Legislativa do RN realizou nesta quinta-feira (30), no Ecoposto do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA), em Porto do Mangue, uma audiência pública para buscar soluções para a RN-404. A rodovia que une os municípios praianos de Areia Branca e Porto do Mangue tem sido “engolida” por dunas móveis.

O Blog Carlos Santos expôs o problema através de postagem recente (Governo Estadual ignora avanço de dunas na RN-404), revelando ainda problema de circulação de animais e buraqueira nessa rodovia estadual, usando fotos de um webleitor que transita regularmente pela estrada.

Antes, no dia 8 de setembro, a InterTV Cabugi fizera reportagem sobre o tema (veja AQUI).

Idema entregará estudo e providências imediatas começam a ser tratadas para problemas urgentes (Foto: Assis Nascimento)

A audiência pública proposta e presidida pelo deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”, levantou alguns encaminhamentos.

Decisões importantes

O Idema autoriza adoção de medidas de curto prazo para liberação do trecho mais crítico da RN. O Instituto irá apresentar nos próximos 60 dias, estudo técnico de viabilidade de um novo trajeto a ser definido para RN-404.

O secretário de Infraestrutura do Estado, Jader Torres, se comprometeu em viabilizar no Departamento de Estradas e Rodagens (DER), a operação tapa-buraco. O secretário adjunto de Turismo do Estado, Jurandir Alves, falou do empenho do deputado Souza em buscar viabilizar a sinalização turística do polo Costa Branca que já foi licitado pelo Governo do Estado.

Como medidas a longo prazo, os órgãos envolvidos se comprometeram em apresentar estudos técnicos e ambientais para projetos executivos de um novo trajeto para RN-404. Paralelamente, empresários do setor salineiro e prefeitura reforçarão parceria para manutenção de desobstrução da pista de rolamento.

O debate reuniu lideranças políticas da região da Costa Branca, empresários da indústria salineira que exploram atividade em Porto do Mangue, moradores do município e da Praia do Rosado (principal trecho afetado pela dunas móveis). Além do deputado Souza esteve na mesa de debate, o prefeito de Porto do Mangue, Sael Melo (PHS), o coordenador técnico do IDEMA, Haniel Pessoa, o secretário de infraestrutura, Jader Torres, secretário adjunto de turismo, Jurandir Alves, o presidente da Câmara Municipal de Porto do Mangue, João Cirilo, além do presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Porto do Mangue, Mamédio Amaro.

Com informações da AL e Blog Carlos Santos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quinta-feira - 30/11/2017 - 04:00h
Hoje

Audiência discute solução para RN importante da Costa Branca


A Assembleia Legislativa do RN realiza na próxima quinta-feira (30), a partir das 9h, no Ecoposto do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA), em Porto do Mangue, região da Costa Branca, mais uma importante audiência publica. Servirá para discutir problemas relacionados à RN-404 e encontrar alternativas a curto, médio e longo prazos de sua viabilidade.

Buracos, dunas móveis e animais comprometem tráfego (Foto: Assis Nascimento, Redes Sociais)

A RN-404 liga os municípios praianos de Areia Branca (distrito de Ponta do Mel) e Porto do Mangue, um dos trechos mais bonitos do litoral potiguar. A proposição é do deputado estadual Manoel Cunha Neto, “Souza” (PHS).

Devido o movimento de dunas móveis na região, o acesso a Porto do Mangue esta praticamente intransitável. Tem criado problemas para o turismo, fluxo de veículos de transporte escolar e alternativos, além de carros de passeio e caminhões com cargas comerciais.

Sal

Também afeta o escoamento da produção de sal de salinas na região, que ocorre com caminhões que muitas vezes ficam atolados.

A pista de rolamento sofre ainda com incontáveis buracos, além do trânsito de animais, um perigo para os motoristas principalmente à noite.

“Se não fossem as ações cotidianas da prefeitura, já não seria possível o pleno aproveitamento da via estadual. Através do nosso mandato solicitamos ao Idema que fizesse uma visita in loco, e que apresentasse alternativas a curto, médio e longo prazo. Ocorre que o avanço das dunas, não permite que aguardemos por muito tempo essa definição, e que medidas emergenciais e alternativas sejam apresentadas e executadas”, justifica o deputado Souza.

Foram convidados para o debate os gestores municipais da região, vereadores e representantes do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), Idema, Secretaria de Estado do Turismo (SETUR) e Secretaria do Planejamento, Orçamento e Finanças (SEPLAN) do Estado.

Com informações da Assembleia Legislativa.

Categoria(s): Administração Pública / Economia / Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sexta-feira - 17/11/2017 - 09:05h
Mossoró

Governo passa informação fora da realidade sobre saúde


“Corredores vazios, três vagas de UTI disponíveis e inexistência de pacientes em filas para ocupar leitos. Essas são algumas das muitas melhorias que o Hospital Regional Tarcísio de Vasconcelos Maia (HRTM) já apresenta, após os benefícios trazidos pela assinatura do Termo de Cooperação Técnica e Financeira entre Entes Públicos (TCEP) firmado entre a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e a Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró (SMS) no início de novembro”.

Esse parágrafo acima é a abertura de texto oficial distribuído no dia passado (quinta-feira, 16), pela Assessoria de Comunicação do Governo do Estado, com informações que são relativamente desonestas e tentam enganar a boa-fé da população. Foram espalhadas na mídia e redes sociais, com escassos questionamentos da própria imprensa.

HRTM vive situação atípica e governo passa informação parcialmente verdadeira (Foto: cedida)

Na verdade, os “corredores vazios” decorrem da greve na Saúde, que empurra atendimento para a capilaridade existente nos bairros e outros municípios, ou seja, Unidades Básicas de Saúde (UBS’s). Urgência e emergência, reais prioridades do HRTM, terminam funcionando.

Audiência pública

Paralelamente, é importante ser assinalado, que nem tudo é inverdade. O Termo de Cooperação Técnica e Financeira entre Entes Públicos (TCEP) realmente está funcionando como o próprio Blog Carlos Santos atestou nos primeiros dias da adoção desse acordo entre estado e prefeitura.

É desdobramento da audiência pública realizada em Mossoró no dia 26 de maio, pela Assembleia Legislativa, numa proposição do deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”.

A partir da audiência no auditório da Faculdade de Medicina da Universidade do Estado do RN (UERN), a questão ganhou celeridade e formalização, bem como outras questões tratadas à ocasião, como cirurgias eletivas e ampliação de leitos de UTI e enfermaria em Mossoró.

O Estado arca com 60% do valor da complementação, cerca de R$ 12 milhões, e o município com o correspondente a 40% no TCEP.

Leia também: Novos leitos de UTI e enfermaria geram resultados imediatos AQUI;

Leia também: Audiência sinaliza com mais leitos de UTI e outros benefícios AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Comunicação / Saúde
quinta-feira - 16/11/2017 - 22:29h
Governo estadual

Deputado pede audiência para entendimento com grevistas


O deputado estadual Manoel Cunha Neto, “Souza” (PHS), solicitou audiência ao governador Robinson Faria (PSD). Ele quer abertura de diálogo com grevistas da Universidade do Estado do RN (UERN).

Para Souza, “há um certo grau de animosidade entre as partes que precisa ser superado. Esse caminho é o diálogo”, disse.

Desde segunda-feira (13), que o professorado faz protestos em Natal, acampado diante da Governadoria.

O deputado reforçou o pedido oficial, também falando com a secretária chefe do Gabinete Civil, Tatiana Mendes Cunha.

Larissa Rosado e Fernando Mineiro

A deputada Larissa Rosado (PSB) fez contato com a secretária Tatiana Mendes Cunha, pedindo para que fosse religada energia no Centro Administrativo, que supria grevistas que estão acampado no local.

Já o deputado Fernando Mineiro (PT) começou articulação para que parlamentares façam ponte para entendimento entre grevistas da Uern e também da Saúde, que fazem mobilização no momento.

Com informações das Assessorias de Souza, Larissa Rosado e Fernando Mineiro.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quinta-feira - 02/11/2017 - 06:40h
Mossoró

Regulação de leitos de UTI deverá começar amanhã


A Secretaria de Saúde finalizou a capacitação de médicos e enfermeiros que irão trabalhar na regulação dos leitos das UTIs, que serão criados a partir de amanhã (sexta-feira, 3). A capacitação foi iniciada há dois meses com esses profissionais para que fossem apresentados os protocolos de atendimento.

Nessa última quarta-feira, reunião afinou procedimentos para regulação funcionar (Foto: PMM)

O compromisso firmado pela gestão municipal mossoroense era de que começaria a regulação ontem (1º, conforme firmou decidido em audiência pública sobre o tema na 8ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, sob presidência do de novembro) juiz Orlan Donato Rocha.

“Vamos trabalhar dentro das novas portarias que são prioridade de atendimento no centro assistencial. Quanto maior o risco do paciente, mais chance ele tem de garantir o leito”, afirmou o Secretário de Saúde, Benjamim Bento.

Audiência Pública gerou resultados

Finalizado a capacitação com médicos e enfermeiros, é a hora de passar o protocolo para os diretores de hospitais que irão receber os leitos: Hospital Regional Tarcísio Maia, Maternidade Almeida Castro e Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer.

A Central de Regulação é mais um desdobramento da Audiência Pública realizada em Mossoró, no auditório da Faculdade de Medicina, no dia 26 de maio último. Foi promovido pela Assembleia Legislativa, com proposição e presidência do deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”.

Leia também: Audiência sinaliza com mais leitos de UTI e outros benefícios AQUI;

Leia também: Central de Regulação é discutida por secretários AQUI;

Leia também: Dez novos leitos de UTI e cinco de enfermaria são garantidos AQUI;

Leia também: Novos leitos de UTI e enfermaria geram resultados imediatos AQUI.

A questão de novos leitos já avançou, com dez adultos e cinco de enfermaria sendo formalizados para suporte ao Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), no Hospital Wilson Rosado (HWR).

A regulação em Mossoró terá uma novidade: a figura do supervisor assistencial. “Esse médico ou enfermeiro visitará diariamente as UTIs para ver questão de disponibilidade de vagas e estado de saúde do paciente. É uma novidade que não temos isso em outro canto do estado”, destacou, Benjamin.

Nota do Blog – É um avanço que envolve a Justiça Federal, Ministério Público, Prefeitura Municipal, Governo do RN e a Assembleia Legislativa ao provocar audiência e gerar consequências positivas e reais à saúde em Mossoró e região.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Saúde
segunda-feira - 23/10/2017 - 07:28h
Hoje

Audiência busca saídas contra agravamento de crise hídrica


De acordo com os monitoramentos realizados pelo Instituto de Gestão das Águas (IGARN) e a Agência Nacional de Águas (ANA), o Reservatório Armando Ribeiro Gonçalves entrará em volume morto em dezembro de 2017, caso não haja mais recargas. O problema será debatido na Assembleia Legislativa em audiência pública na próxima segunda-feira (23), às 14h, numa iniciativa do deputado Souza (PHS).

Abastecimento está comprometido (Foto: Web)

“Se não houver mais recargas, a crise poderá provocar um colapso nas captações que abastecem a Adutora Sertão Central Cabugi, para a Adutora Jerônimo Rosado, em Mossoró e também o abastecimento de Assu”, alerta o parlamentar.

“Como não haverá água no rio após o volume morto, também ficarão sem água as captações para Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Guamaré e Carnaubais, além das comunidades existentes na região”, reforça.

Alternativas

Souza destacou que as alternativas já foram apresentadas pelo Governo do Estado ao Governo Federal, através do Ministério da Integração, desde o início deste ano.

As ações do Plano Emergencial de Segurança Hídrica, elaborado pelo Grupo de Segurança Hídrica coordenado pelo Gabinete Civil do RN são: Complexo Captacional para captar água do espelho d´água da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves e levar até a estação da CAERN próximo a Ponte de Assu, para abastecer as adutoras e o transporte de água dos poços que a CAERN perfurou em Afonso Bezerra para Pendências e lá abastecer as cidades próximas.

Com informações da Assembleia Legislativa.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Curso de Oratória de Francisco Lavor em Mossoró 15 a 28-01-18 veiculação - RODAPÉ
sábado - 21/10/2017 - 22:07h
Baraúna

Equipamentos para obra de adutora começam a chegar


A Empresa H.L. Construções está instalando canteiro de obras na zona rural de Baraúna. Ela foi vencedora de licitação para construção do sistema de adutora que vai ensejar abastecimento de água potável para três comunidades rurais do município, alcançando ainda a área urbana.

Secretário Wilson vê chegada de equipamentos (Foto: cedida)

Os trabalhos preliminares começaram nesse final de semana, com chegada dos primeiros equipamentos e parte do pessoal técnico, que se instala na comunidade de Juremal.

A adutora será uma obra do “Programa RN Sustentável” do Governo do Estado e vai beneficiar as comunidades de Campestre, Juremal e Vertentes.

Expansão imobiliária, arrecadação e emprego

Secretário de Habitação do município, Wilson Cabral acompanhou a chegada de parte dos dutos, maquinário e pessoal. Segundo ele, essa obra vai garantir mais de 200 mil litros de água potável por hora, além de gerar um efeito multiplicador para a economia e habitação do município, pois existem atualmente 11 loteamentos residenciais que esperam esse benefício para serem viabilizados.

O deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), “Souza”, é autor de apresentação e acompanhamento de pleito para inclusão desse projeto no RN Sustentável. Ele formalizou o pedido ainda no início de 2015. “O empreendimento também deve resultar em ótima arrecadação direta de imposto para o município e priorizar mão-de-obra local”, diz o secretário.

O investimento é próximo de R$ 8 milhões.

Com informações do Baraúna Notícia e Assessoria do Deputado Souza.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Gerais
sexta-feira - 13/10/2017 - 11:39h
Assembleia Legislativa

Deputados apoiam pauta de professores e aposentados


Uma comissão formada pela diretoria da Associação dos Docentes da Universidade do Estado do RN-UERN (ADUERN) e outros representes da categoria têm trabalhado o apoio de deputados estaduais a uma série de demandas.

Aposentados estão se mobilizando contra mudança (Foto: cedida)

Reivindicam compromisso dos deputados em torno de quatro reivindicações: 1- Apoio ao projeto de autonomia de gestão financeira da Uern, 2- A manutenção dos (as) aposentados (as) na folha da Uern, 3 – Manutenção do auxílio saúde com os (as) aposentados (as), 4- Atualização do calendário de pagamento.

Até o momento assinaram o documento de apoio os deputados Fernando Mineiro (PT), Souza (PHS), Márcia Maia (PSDB), Getúlio Rego (DEM), George Soares (PR) e Kelps Lima (SD).

A comissão segue colhendo assinaturas e buscando o compromisso dos demais parlamentares.

Aposentados

Uma preocupação nova e latente, é quanto à manutenção aposentadorias na folha de pagamento da Uern. O governo quer passar a responsabilidade para o Instituto de Previdência do RN (IPERN), o que é rechaçado pela Aduern e aposentados.

No entendimento da Aduern e aposentados, isso causará prejuízos nos proventos da categoria.

“Espero que o governo reveja seus planos e que os aposentados da nossa universidade permaneçam lotados onde historicamente trilharam com dignidade o trabalho de apoio a educação superior estadual”, assinala o deputado George Soares.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Gerais / Política
  • Repet
sábado - 07/10/2017 - 17:24h
Mossoró

Souza diz que PHS tem autonomia para decisões internas


Souza: PHS decide (Foto: cedida)

Em entrevista ao programa “Jornal da Tarde” da Rádio Rural de Mossoró, nessa sexta-feira (6), o deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), “Souza”, assegurou que o caráter democrático do partido não ensejaria qualquer tipo de intervenção partidária na sigla em Mossoró.

A princípio, não.

“O PHS de Mossoró tem autonomia para tomar suas decisões”, que devem seguir uma linha de coerência, avisou. “Se houver mudança, os filiados é que vão resolver”, disse.

Apoio

A postura do deputado foi uma reação a questionamento do apresentador, jornalista Saulo Vale. Ele indagou se poderia acontecer alteração na presidência do PHS mossoroense, que esta com a vereadora de primeiro mandato Aline Couto.

“O partido aqui é que sabe”, insistiu o deputado.

Souza também deixou claro, que desconhece se a vereadora vai apoiá-lo à reeleição no próximo ano.

“Quem pode responder é ela”, apontou. “O partido tem sido correto com a vereadora”, completou.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 29/09/2017 - 22:48h
Entrevista

Souza defende eleição de mais nomes de Mossoró e região


Entrevistado pelos jornalistas Vonúvio Praxedes e Carol Ribeiro à noite de hoje no programa “Cenário Político” da TV Cabo Mossoró (TCM), Canal 10, o deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”, advogou a necessidade de Mossoró e região elegerem mais representantes à Assembleia Legislativa.

Souza, Vonúvio e Carol no Cenário Político (Foto: cedida)

Deixou claro que não torce, não trabalha nem se sente ameaçado à campanha do próximo ano, com possibilidade de outros nomes de Mossoró e seu entorno se apresentarem como candidatos.

- Foi importante a chegada de Larissa Rosado (PSB) este ano à Assembleia Legislativa, porque quanto mais nomes em defesa da região, melhor – disse.

Uma telespectadora chegou ainda a provocá-lo, em pergunta repassada ao entrevistado pela jornalista Carol Ribeiro: “Souza, ficam espalhando que o mossoroense não deve votar em você porque você não é de Mossoró. O que você tem a dizer?”

Ligação com Mossoró

O deputado lembrou que desde a infância, na casa de seus avós à Rua Nilo Peçanha no Bom Jardim, que está ligado a Mossoró, “sempre votando em candidatos mossoroenses”. Então, indagou, “por que não posso ser votado em Mossoró?

Recordou que ele e seu grupo deram quase 3 mil votos a Beto Rosado (PP) à Câmara Federal em 2014. “Sem essa votação Beto não teria sido eleito; e eu em Mossoró tive votos com ele que me ajudaram na eleição”, mostrou. “Eu quero que acompanhem meu mandato e vejam o que estou defendendo e fazendo por Mossoró e nossa região”, disse.

Com informações da TCM, Blog Carlos Santos e Assessoria do Deputado Souza.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quarta-feira - 27/09/2017 - 18:16h
Indústria salineira

Temer recebe comitiva do RN e promete rápida decisão


O presidente da República, Michel Temer (PMDB), garantiu agilidade na análise dos pleitos da indústria salineira do Rio Grande do Norte. Em audiência no Palácio do Planalto, nesta quarta-feira (27), com representantes do setor, deputados e senadores potiguares, além de prefeitos e do governador Robinson Faria (PSD), o chefe do Executivo federal ouviu por mais de uma hora explanação sobre as dificuldades dos salinicultores.

Foi dissertado que a atividade multissecular assegura mais de 70 mil empregos diretos e indiretos, com representando 97 por cento da produção nacional do sal marinho do país.

Temer (centro, de costas) esteve durante longa audiência com comitiva potiguar (Foto: Marcos Correa)

Na reunião, o grupo entregou ao presidente um documento priorizando três pontos fundamentais para o setor: a elaboração de um decreto reconhecendo a atividade salineira como de interesse social atestando segurança jurídica, o aumento da alíquota que protege o sal brasileiro da concorrência “predatória” do Chile e a reforma do Porto Ilha, por onde é escoado 70% do sal produzido no estado.

“Pela representatividade desta audiência, reconheço a importância do setor para o estado. Prometo analisar com brevidade e detalhes a questão da elaboração do decreto, o reestudo da alíquota para o setor, além do reparo urgente do Porto Ilha”, garantiu o presidente Temer.

Marco regulatório

Para um dos dirigentes do Sindicato da Industria do Sal (SIESAL), Airton Torres, que fez uma narrativa minuciosa sobre a história do sal na região, a necessidade de deixar o setor protegido e acobertado pelo Código Florestal Brasileiro é urgente. “Não temos um marco regulatório e nossa atividade não pode ser transferida para outro local. São três séculos de história, seis milhões de toneladas de sal produzidas por ano e um faturamento que beira 1 bilhão de reais”, declarou o empresário.

Também participaram da audiência o senador Garibaldi Alves (PMDB), os deputados federais Rafael Mota (PSB), Fabio Faria (PSD), Walter Alves (PMDB), Rogério Marinho (PSDB), Beto Rosado (PP) e o coordenador da bancada federal, deputado Felipe Maia (DEM); os deputados estaduais Jacó Jácome (PMN), Larissa Rosado (PSB) e Souza (PHS); os prefeitos Túlio Lemos (Macau), Sael Melo (Porto do Mangue), Rosalba Ciarlini (Mossoró), José Maurício Filho (Grossos) e Iraneide Rebouças (Areia Branca); as vereadoras Sandra Rosado (PSB-Mossoró), Clorisa Linhares (PSDC-Grossos), Izabel Montenegro (PMDB-Mossoró); além dos representantes da indústria salineira como Renato Fernandes (SIMORSAL), Tasso Rosado (SOCEL), Francisco Ferreira Souto (SIESAL), Herbert Vieira (CIMSAL), Ceiça Praxedes (REFIMOSAL), Carlos Frederico (NORSAL), Eduardo Medeiros (SALINA SÃO CAMILO), Fernando Rosado (UNISAL) e o presidente da Federação das Indústrias do Estado do RN (FIERN), Amaro Sales.

O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), acompanhou o presidente Temer na audiência.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Economia / Política
terça-feira - 26/09/2017 - 22:47h
Saúde

Novos leitos de UTI e enfermaria geram resultados imediatos


A saúde pública em Mossoró e região e o próprio erário estadual já contabilizam conquistas, em face de uma decisão publicada no sábado (23), no Diário Oficial do Estado  (DOE: Extrato de Contrato 106/17, entre a Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP) e o Hospital Wilson Rosado (HWR) em Mossoró, para contratação de dez leitos de UTI adulto e cinco leitos de enfermarias clínicas de retaguarda.

Jarbas aponta resultados com economia (Foto: cedida)

A medida é resultado prático de audiência pública realizada em Mossoró no dia 26 de maio deste ano, promovida pela Assembleia Legislativa do RN, por proposição do deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), “Souza”, que tratou de agilização de leitos de UTI, pactuação, Central de Regulação de Leitos de UTI e outros pontos correlatos.

Segundo o diretor geral do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), odontólogo Jarbas Mariano, “ainda no sábado ocupamos com leitos de UTI’s do Wilson Rosado com quatro pacientes que estavam sob demanda judicial no próprio hospital e três que estavam, também, sob demanda judicial no Hospital São Luiz (Mossoró)”.

Também cita, que “outro paciente foi submetido a cateterismo pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mas teve complicações e necessitou de um leito de UTI”.

Mais: “Dois pacientes que estavam aguardando vaga em UTI no HRTM também foram beneficiados por esse contrato”.

Jarbas Mariano destaca, que “além das vagas utilizadas por pacientes que aguardavam vagas, temos uma economia para o erário público, porque a utilização de leitos, sob demanda judicial, são leitos cobrados ao preço de leitos privados e os contratados são com valores menores e, previamente, acertados”.

Salvar vidas

O deputado Souza diz que há muito conversava com Jarbas Mariano e a Sesap sobre essa necessidade. “Encampei essa luta”, diz. “A audiência que promovemos em Mossoró em maio teve a capacidade de desobstruir muita coisa, avançando para essa e outras melhorias que estão sendo conquistadas. Parece pouco e é, mas já começamos a salvar vidas”, comenta.

Leia também: Dez novos leitos de UTI e 5 de enfermarias são garantidos AQUI;

Leia também: Audiência sinaliza com mais leitos de UTI e outros benefícios AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
  • Repet
segunda-feira - 25/09/2017 - 07:14h
Em Mossoró

Prefeitos conhecem e devem apoiar Liga contra o Câncer

Deputado Souza articula visita para que convênios facilitem atendimento e fortaleçam serviço regional

Por Cézar Alves (Do Mossoró Hoje)

O deputado estadual Manoel Cunha Neto (PHS), “Souza”, convidou 16 prefeitos da região Oeste do Rio Grande do Norte para conhecer a estrutura e os serviços prestados nas Unidades I e II da Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer (LMECC), de Mossoró-RN.

Ao final da visita, os gestores sinalizaram positivamente no sentido de  parcerias que agilizem exames e consequentemente o início do tratamento. “Este era o objetivo desta visita”, destaca o deputado Souza. Ele lembrou, que tem priorizado a Saúde em seu mandato, com emendas e articulações de apoio para a Liga, Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) e Hospital Maternidade Almeida Castro (HMAC), pactuação da Saúde, leitos de UTI’s e integração de outras instituições estratégicas à saúde pública na região.

Souza e o prefeito Alan ouvem exposição sobre estrutura da Liga em Mossoró que serve à vasta região (Foto: Cézar Alves)

A LMECC, em suas duas unidades, faz atualmente uma média mensal de 700 aplicações de quimioterapia, cerca de 300 radioterapias e mais ou menos 150 cirurgia, atendendo a população de 64 municípios de três regionais de saúde do Oeste do Rio Grande do Norte, parte do Ceará e também da Paraíba.

A visita aconteceu nesta sexta-feira, 22. Os gestores e o deputado foram recebidos pelos diretores Wogel Sanges Oliveira, Flávio Luiz Santos, André Aleixo e Vanusa Brito. Eles conheceram o Hospital Santa Luzia (Unidade I) e no Hospital da Solidariedade (Unidade II).

“Muitos dos prefeitos da região, por desconhecimento, talvez, estão enviando seus munícipes para fazer o tratamento na Liga do Câncer, em Natal, quando este mesmo serviço é ofertada em Mossoró, que é mais perto, não tem fila e mais confortável para paciente”, diz o deputado.

Problema

Porém, os diretores da LMECC mostraram ao visitantes que existe um problema. Quando examinados nas unidades de I e II, em Mossoró, os pacientes são enviados de volta para pedir em suas cidades autorização para fazer os exames comprobatórios da doença.

Acelerador Linear: modernidade (Foto: Cézar Alves)

Segundo Flávio Luiz Santos, isto acontece porque as Prefeituras destas cidades referenciam estes tipos de exames para Natal e até para outras regiões, quando poderia serem feitos todos em Mossoró, levando mais conforto e principalmente agilidade para começar o tratamento.

Diante destes fatos e pensando no bem-estar da população, o deputado Souza convidou os prefeitos e/ou seus representantes de 16 municípios para conhecer a estrutura e os serviços prestados. A visita começou pela Unidade I, instalada no Hospital Santa Luzia, no Centro.

Equipamento moderno

Os prefeitos e secretários, após uma breve conversa com os diretores, visitaram a estrutura de ambulatório, internação e exames. Em seguida conheceram os equipamentos da Unidade II, instalados no Hospital da Solidariedade, no Abolição III, um dos mais modernos do País.

“Eu fiquei surpresa e feliz, porque não sabia que em Mossoró tem um dos equipamentos de radioterapia (acelerador linear) mais modernos do mundo. No Brasil só tem três aparelhos deste”, diz Girlene Ferreira, secretária de Saúde de Felipe Guerra.

“Já temos uma parceria de apoio aos pacientes de Apodi que fazem tratamento na oncologia em Mossoró, mas agora vejo que podemos ampliar, tornar o tratamento mais ágil, o que é muito importante, e mais humanizado”, assegura o prefeito Alan Silveira (PMDB), de Apodi.

A LMECC é uma entidade filantrópica, credenciada para prestar serviços custeados pelo SUS, que é referência neste atendimento nas três regionais de saúde do Oeste do Estado, que compreende mais de 60 municípios, ou seja, uma população de quase 1 milhão de habitantes.

“A intenção da Liga é se aproximar dos prefeitos para criar uma plataforma que permita que os pacientes sejam melhor assistidos, o tratamento mais ágil e eficaz e que, também, resulte numa otimização do custeio dos serviços de saúde para estes gestores”, finaliza o diretor geral da LMECC, professor Wogel Sanger, que assumiu o cargo há poucos dias e está confiante no crescimento do serviço.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
sábado - 23/09/2017 - 15:28h
Saúde

Dez novos leitos de UTI e 5 de enfermarias são garantidos


Audiência com George e Souza em maio (Foto: cedida)

Saiu publicação hoje (sábado, 23), no Diário Oficial do Estado (DOE), do Extrato de Contrato 106/17, entre a Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP) e o Hospital Wilson Rosado (HWR) em Mossoró, para contratação de dez leitos de UTI adulto e cinco leitos de enfermarias clínicas de retaguarda. Garantem um desafogo para o combalido Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM).

A medida é mais um desdobramento da Audiência Pública realizada em Mossoró no dia 26 de maio, na Faculdade de Medicina da Universidade do Estado do RN, promovida pela Assembleia Legislativa, com proposição e presidência do deputado Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”.

Anteriormente, já tinha avançado e sido fechada a Central de Regulação de Leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que deverá começar no dia 1º de novembro, conforme prazo acordado na 8ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte no dia 25 do mês passado.

Resultados

“Esses são dois dos resultados práticos que estamos obtendo, nesse esforço para melhoria da Saúde Pública na região de Mossoró, que se reflete para todos os municípios de seu entorno e influência”, diz Souza.

O deputado lembra, que também deve se destacar o esforço da municipalidade mossoroense, a boa vontade da gestão estadual da Saúde através do secretário George Antunes e sua equipe; o diretor do HRTM, Jarbas Mariano; Justiça Federal, além de outras pessoas e entidade, “para que avancemos nessas conquistas”. E complementa: “Outra vitórias virão, se Deus quiser”.

Leia também: Regulação de leitos de UTI deve começar dia 1º de novembro AQUI.

Leia também: Audiência sinaliza com mais leitos de UTI e outros benefícios AQUI;

Leia também: Central de Regulação é discutida por secretários AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quarta-feira - 20/09/2017 - 15:42h
Assembleia Legislativa

Souza pede concurso para polícias e para a Emater/RN


Durante a sessão ordinária desta quarta-feira (20), na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Souza (PHS) cobrou a realização de concursos públicos por parte do Governo do Estado em áreas estratégicas, a exemplo da Segurança Pública. De acordo com o parlamentar, o déficit nos quadros das polícias Civil e Militar tem relação direta com o aumento da violência no Rio Grande do Norte.

Souza: não adianta pedir reforço policial sem ter polícia (Foto: AL)

“O déficit hoje na Polícia Militar é de 60%, o que representa quase cinco mil policiais. Na Polícia Civil, o quadro é ainda mais grave, já que temos atualmente menos agentes do que existiam há 14 anos. O Governo tem feito promoções aguardadas há tempos, mas a defasagem é muito grande”, justificou o deputado Souza em sua fala.

Concurso é a solução

Souza disse que os deputados estaduais têm, repetidamente, apresentado requerimentos objetivando o aumento de efetivos policiais em municípios potiguares. Porém, segundo ele, a iniciativa não cumpre sua finalidade em razão do déficit nos quadros de pessoal. O parlamentar então pediu celeridade na realização de concurso já anunciado pelo executivo estadual.

O parlamentar cobrou ainda a realização de concurso público para o preenchimento de cargos do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do RN (Emater). “Como presidente da Frente Parlamentar de Apoio à Agricultura Familiar, sei o quanto o agronegócio é importante para a economia do Estado”, explicou Souza, afirmando que a necessidade da Emater é de pelo menos 165 novos servidores, já que possui apenas 20% do quadro preenchido.

Com informações da AL.

Categoria(s): Administração Pública / Política
sexta-feira - 08/09/2017 - 12:05h
Baraúna

Adutora terá ordem de serviço assinada nos próximos dias


Araújo conversou obras com Souza (Foto: cedida)

Responsável pelo “Programa Governo Cidadão” e por acompanhar a execução de todos os projetos e metas de governo estadual, o secretário extraordinário de Gestão de Projetos, Vagner Araújo, deu excelente notícia para o deputado Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”. O município de Baraúna, na região Oeste, terá sua adutora em poucos meses.

Durante reunião nessa quarta-feira (6) com o deputado Souza, Araújo informou que o processo de licitação da adutora que irá atender às comunidades de Juremal, Campestre e Vertentes em Baraúna, já foi concluído.

“Resta agora apenas a data da assinatura da ordem de serviço”, comenta Souza. “Estamos nessa luta desde o primeiro semestre de 2015 ao lado de amigos de Baraúna”, assinala.

Estrada do Melão 3

À semana passada, Souza já estivera com o presidente da Companhia de Águas e Esgotos do RN (CAERN), engenheiro Marcelo Toscano, que adiantara informações sobre processo licitatório, estimando que neste mês de setembro a parte burocrática seria vencida, para a obra começar.

Quanto à “Estrada do Melão 3″ que alcança Baraúna, Vagner Araújo informou que o processo licitatório esta em fase adiantada. Algumas etapas ainda vão ser cumpridas, mas o deputado pediu para ser informado e colocou-se à disposição para qualquer intervenção sua.

Com informações da Assessoria do Deputado Souza.

Categoria(s): Administração Pública / Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.